A apresentação do BTS no MMA 2019 transbordou talento e profissionalismo

Anúncio

A apresentação do BTS no MMA 2019 transbordou talento e profissionalismo

O Melon Music Awards (MMA) aconteceu hoje, 30 de novembro. Durante a premiação, o stage do BTS contou com as músicas “Intro: Persona”, “Boy in Luv”, “Boy With Luv,” “Mikrokosmos,” e “Dionysus.”, em uma apresentação que durou 37 minutos e mostrou o crescimento da carreira do grupo ao longo dos anos, destacando o estilo individual de cada um dos integrantes. De maneira espetacular, essa apresentação no MMA de 2019 só demonstrou como o BTS está em um outro patamar – em um nível que nenhum outro artista ou premiação ocidental já alcançou.

O BTS um throwback na apresentação

RM abriu a apresentação do BTS com seu solo, “Intro: Persona”. O palco estava montado assim como o MV da música, incluindo dicas de possíveis futuros trabalhos do grupo, Map of the Soul: Shadow e Map of the Soul: Ego, e referências a trabalhos anteriores. Após o fim de “Intro: Persona”, RM se reuniu com os demais integrantes, para apresentar uma faixa mais antiga do grupo, “Boy In Luv”.

A música levou os fãs de volta à era de Skool Luv Affair, lançamento do BTS de 2014, logo seguida pelo o hit de 2019, “Boy With Luv”. As duas músicas mostraram o crescimento e versatilidade do BTS com artistas.

O BTS fez do MMA 2019 o seu próprio show

Assim como eles fizeram durante os shows da Speak Yourself: The Final in Seul, o BTS fez sua própria galáxia no palco, com “Mikrokosmos”. Enquanto o grupo cantava, uma galáxia foi sendo montada à sua volta, fazendo com que eles parecessem estar flutuando no espaço. Nessa música, o MMA já não parecia mais uma premiação, e sim o show do BTS.

Ao final da música, uma tela subiu no palco, com diversos “Eu te amo” em diferentes línguas, fazendo com que a mensagem de amor do BTS fosse clara. E o mais importante, ela lembrou a todos que o BTS quebrou diversas barreiras e tocou o coração de muitas pessoas ao redor do mundo.

Dionysus mostrou o poder do BTS como artistas

Muitos fãs pensaram que o BTS não conseguiria fazer uma apresentação ainda melhor do que a que eles fizeram na mesma premiação no ano passado, mas a música final que o grupo escolheu para seu stage no MMA de 2019 colocou um ponto final em qualquer dúvida: “Dionysus”, do álbum Map of the Soul: Persona.

Antes de “Dionysus” começar, contudo, cada integrante do BTS fez uma apresentação solo de músicas antigas do BTS. V dançou “No More Dream” e Jin apareceu em cima de um cavalo gigante dançando “Danger”.

O dance break de solos seguiu com Jimin e sua apresentação angelical de “I NEED U”, e logo depois com SUGA, com o palco incendiando ao som de “Fire”, relembrando sua imagem característica da era HYYH. JungKook chocou a todos com seu stage de “Save Me” em uma piscina de água, e J-Hope mostrou suas habilidades de dança ao som de “FAKE LOVE”. E RM finalizou os solos com “Dionysus”, andando poderosamente pelo palco.

O stage de “Dionysus” contou com diversas imagens gregas, dançarinos de apoio de diferentes etnias e tocadores de harpa. Com sua coreografia rápida e marcante, o BTS mostrou sua confiança e talento. Antes do verso final, mais um dance break novo surgiu, com um remix da música de 2013, “N.O”.

O BTS está em um nível que ninguém consegue alcançar

“Dionysus” provou ser a música perfeita para finalizar ao stage do BTS no MMA 2019. Com essa apresentação, o septeto provou ser poderoso e corajoso, com uma dominação de palco a um nível que nenhum outro artista já demonstrou. Incorporando “Boy in Luv” e os solos de dança individuais, o BTS revisitou todas as eras que o trouxeram até aqui.

O BTS terminou o MMA 2019 de forma incrível, ganhando todos os 8 prêmios aos quais eles foram indicados, sendo 4 deles os Daesangs da noite: Gravação do Ano, Artista do Ano, Álbum do Ano e Música do Ano. Em 2013, o BTS conquistou o prêmio de Rookie do Ano na mesma premiação.

A participação do BTS no MMA desse ano provou que é uma grande pena que o Academia do Grammy não soube reconhecer o talento do grupo. Seja por ignorância cultural ou simplesmente por estarem intimidados, o BTS não foi indicado à nenhum prêmio do Grammy, mesmo tendo superado artistas ocidentais tanto em vendas como em apresentações ao vivo.

No MMA, o BTS foi reconhecido da maneira certa por todas as suas realizações. A premiação foca nos artistas e suas apresentações, e ao fazer isso, o BTS conseguiu provar seu talento e capacidade como artistas, mostrando como seu sucesso é algo que não pode ser replicado. Eles estão em um outro patamar, um nível que alguns artistas e premiações ocidentais não conseguem alcançar.

Fonte: Cheatsheet

Notícias | por em 30/11/2019
Compartilhe:

Comentários:


Anúncio