SITE: Bangtan Brasil - Fã Base
VERSÃO: 1.4 - SPEAK YOURSELF
DESDE: 29.03.2013
VISITAS: ARMYs
Bulletproof Boy Scouts (em coreano: 방탄소년단) é um grupo masculino sul coreano de hip-hop formado pela Big Hit Entertainment. Geralmente conhecidos como BTS, são também chamados de Bangtan ou Bangtan Boys. Eles estrearam em 13 de junho de 2013 com sua... LEIA MAIS
SEJA BEM VINDO À BANGTAN BRASIL, A PRIMEIRA E MAIOR FÃ BASE BRASILEIRA DO BTS. FEITA DE FÃ PARA FÃ!
Publicado em 04.01.2019
As 11 maiores conquistas do BTS em 2018
Não há dúvidas de que 2018 foi um ano incrível para o grupo

Desde o lançamento de dois álbuns que ficaram no topo da Billboard, até um grande discurso nas Nações Unidas em Nova York, 2018 foi um ano cheio de recordes para o BTS. Ao longo dos últimos 12 meses, nós pudemos ver RM, Jin, SUGA, J-Hope, Jimin, V e JungKook se transformarem em sensações internacionais, levando sua cultura junto.

Apesar de ser impossível listar todas as conquistas do grupo nesse ano, nós decidimos destacar 11 de suas maiores conquistas para mostrar como o ano foi incrível para o grupo sul-coreano. Apesar de 2018 estar terminando, a montanha-russa que é o sucesso do BTS não mostra sinais de diminuir a velocidade ainda — com uma nomeação a um Grammy para o design de um de seus álbuns, 2019 promete ser igualmente incrível para o BTS.

O álbum que os garantiu uma indicação ao Grammy

Há alguns meses atras, quando SUGA disse que o próximo passo para o BTS seria um Grammy, o resto do grupo gargalhou. No entanto, parece que o sonho de SUGA não estava tão longe da realidade. No início de dezembro, foi anunciado que Love Yourself 轉 ‘Tear’ foi nomeado para “Best Recording Package” graças ao incrível design da equipe HuskyFox. Outros álbuns na categoria incluem trabalhos de St. Vincent, Mitski, The Chairman e Foxhole.

Turnê esgotada nos Estados Unidos

Em 2018, BTS chegaram aos palcos internacionais com sua turnê “BTS World Tour: Love Yourself”, que começou em Seul, em agosto, e levou o grupo ao Reino Unido, Japão, França, Holanda, Alemanha, Taiwan, Canadá e Estados Unidos. Todas as 14 paradas nos EUA esgotaram imediatamente. Devido a grande demanda, o grupo acrescentou uma data a mais no Citi Field, em Nova York, fazendo deles os primeiros artistas coreanos a fazerem um show num estádio no país. Ingressos para o show no Citi Field venderam em menos de 20 minutos.

Estreia nos cinemas e série no YouTube

Março foi o mês de usar o free trial do YouTube Red para assistir a série Burn The Stage. O documentário em oito partes nos permitiu ver o trabalho duro, brincadeiras e vida privada dos meninos enquanto eles faziam sua turnê “The Wings Tour”. Uma adaptação em filme da série foi lançada dia 15 de novembro, com o título Burn The Stage: The Movie. Nos Estados Unidos, o filme chegou ao Top 10 de vendas e acumulou um total de 3,54 milhões de dólares em seu primeiro fim de semana, quebrando o recorde de maior evento musical de cinema que antes pertencia ao One Direction.

Discurso nas Nações Unidas

O BTS foi selecionado pelas Nações Unidas para discursar em sua 73ª Assembleia Geral para a iniciativa “Youth 2030: The UN Youth Strategy” e sua campanha da UNICEF, “Generation Unlimited.” No dia 24 de setembro, o líder RM tomou o pódio com os outros integrantes atrás de si para fazer um incrível discurso em inglês sobre a campanha do grupo, Love Myself, e a importância de “falar sobre si.” “Me conte sua história, eu quero ouvir sua voz, eu quero ouvir o que te motiva,” disse RM. “Não importa quem você seja, de onde seja, sua cor da pele, sua identidade de gênero, apenas fale o que pensa. Encontre seu nome e sua voz enquanto fala o que pensa.” Filantropia vem sendo um importante pilar na carreira do BTS desde o começo, e o grupo virou o primeiro ato sul-coreano a arrecadar doações para uma campanha social e global como a Love Myself, em parceria a UNICEF em 2017.

Primeiro single em inglês

O mundinho do Twitter explodiu no dia 24 de outubro quando o DJ Steve Aoki casualmente anunciou que estaria lançando um single com a participação do BTS chamado “Waste It On Me” no dia seguinte. A música é a terceira parceria deles com Aoki, seguindo “The Truth Untold” e seu remix do single “MIC Drop.” A música também foi a primeira do BTS completamente cantada em inglês, e inclui a doce voz de JungKook e o rap controlado de RM. RM também ajudou a escrever a letra da música, que detalha um romance que acaba rápido demais. O vídeo que acompanhou a música tem a participação especial de um elenco todo asiático, incluindo Ross Butler, Jamie Chung e Ken Jeong.

Dominação mundial no Youtube

Enquanto dominavam as paradas musicais, o BTS também estava dominando o YouTube. Quando o grupo lançou o colorido vídeo clipe viral para seu single de comeback, “IDOL,” de Love Yourself 結 ‘Answer’ no dia 24 de agosto, ele ultrapassou os recordes de vídeo mais assistido em 24 horas, com mais de 45 milhões de visualizações (o título antes pertencia a Taylor Swift, com “Look What You Made Me Do,” com 43,2 milhões de visualizações). Apesar do recorde ter sido batido por Ariana Grande recentemente, os ARMYs provaram mais uma vez que sua dedicação ao grupo é imbatível.

Seu show histórico na Reunião de Aliança Coreia-Franca

Após seu discurso inspiracional nas Nações Unidas, o BTS se apresentou no Korea-France Friendship Concert, uma reunião em Paris feita para promover as boas relações entre as duas nações durante a visita do presidente da Coreia do Sul. O evento foi uma celebração de musicistas coreanos e conteve uma mistura de música tradicional coreana, apresentada por Black Spring e Moon JoGo, e uma apresentação do BTS. No dia 14 de outubro, o grupo se apresentou para uma plateia de 400 pessoas, que incluía políticos franceses e sul-coreanos, além de fãs do grupo. O BTS se encontrou com o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-In após o show e tirou algumas selfies muito fofas.

Muitos e muitos prêmios

Até o momento de escrevermos essa lista, o BTS não parou um minuto de escrever, lançar e apresentar suas músicas ao redor do mundo e recebendo, em troco, um total de 29 prêmios, incluindo o prêmio principal (Daesang) no Asia Artist Awards, Álbum do Ano por seu álbum Love Yourself 轉 ‘Tear’ no 2018 Melon Music Awards e Artista do Ano no Mnet Asian Music Awards, apenas para nomear alguns deles.

Lançamentos de mixtapes e solos

No meio de comebacks, turnês e promoções de singles, o estelar dançarino J-Hope e o incrível rapper RM encontraram tempo para escrever, produzir e lançar suas mixtapes online de graça por um simples link no Twitter. Lançada em março, Hope World (carinhosamente apelidada de “hixtape”), de J-Hope, inclui o dançante single “Daydream” e “Airplane,” a qual o BTS mais tarde transformou em “Airplane Pt.2” em Love Yourself 結 ‘Answer’. Lançada mais tarde no ano, mono., de RM, é cheia de músicas que intercalam inglês com coreano e detalham o lado artístico e melancólico, especialmente os singles “Forever Rain” e “Seoul.”

O álbum que quebrou recordes, Love Yourself 轉 ‘Tear’

Antes de ser nomeado a um Grammy visual, Love Yourself 轉 ‘Tear’ já era uma jóia na carreira do BTS. Lançado no dia 18 de maio, o álbum explora os sentimentos de se sentir sozinho e com medo, que são melhor vistos no single principal, “FAKE LOVE.” O álbum se tornou o primeiro do grupo a chegar ao 1º lugar nas paradas nos Estados Unidos, fazendo do grupo o primeiro ato musical coreano a tomar o posto. A primeira apresentação ao vivo se seu single “FAKE LOVE” aconteceu no Billboard Music Awards, onde eles não apenas conquistaram o prêmio de Top Social Artist pelo segundo ano consecutivo, mas também se tornaram o primeiro grupo coreano a se apresentar na cerimônia.

O álbum que bateu o anterior, Love Yourself 結 ‘Answer’

Seguindo a calorosa recepção a Love Yourself 轉 ‘Tear’, o BTS continuou a impressionar com o lançamento de Love Yourself 結 ‘Answer’ e seu animado single “IDOL.” O álbum rapidamente chegou ao primeiro lugar nas paradas da Billboard, se tornando o segundo álbum do grupo a fazer isso em 2018. Mas a dominação musical do BTS não foi uma febre apenas nos Estados Unidos, ele também chegou ao primeiro lugar nas paradas do Canadá, e “IDOL” ficou em 21º lugar nas paradas do Reino Unido, fazendo do BTS o primeiro grupo coreano a chegar no Top 40 no Reino Unido.

Fonte: PopCrush
Trans eng-ptbr; gio liotti @btsbr



Comentários: