Os gigantes do K-Pop iniciam turnê mundial e falam ‘Carpe Diem’ para os fãs

Anúncio

Os gigantes do K-Pop iniciam turnê mundial e falam ‘Carpe Diem’ para os fãs

Com videoclipe de IDOL, single de Love Yourself: 結 Answer, quebrando recordes no YouTube, grupo embarca em tour mundial explicando o significado dela: felicidade ocorre em momentos passageiros, então os aproveite.

As estrelas do K-Pop, BTS, vêm falando sobre o significado de seu mais novo álbum Love Yourself: 結 Answer, e também da turnê de mesmo nome (BTS World Tour: Love Yourself). A faixa principal, “IDOL”, é um chamado para ‘Carpe Diem’, do latim ‘aproveitar o dia’, e encontrar a felicidade, assim como dito por RM, ao fazer a comparação da turnê com um festival.

“Quando se pensa em um festival, as preparações podem demorar muito, mas o festival passa extremamente rápido e deixa apenas lixo como rastro,” disse RM em uma conferência de imprensa antes do início do primeiro show.

“Eu penso que a vida é da mesma forma. A felicidade está em momentos passageiros, e deixa apenas algumas fotos para a memória,” ele disse. “Depois de lidar com tantos problemas, queremos passar a mensagem de que [nós devíamos] aproveitar a vida e aproveitar esses passageiros [momentos felizes].”

A tour de shows “BTS World Tour: Love Yourself”- que foi iniciada com 2 shows em Seul no último final de semana – levará o septeto à 16 cidades nos Estados Unidos, Canadá, Inglaterra, Holanda, Alemanha, França e Japão, durando até fevereiro do ano que vem.

A tour começou após o lançamento de Love Yourself: Answer na sexta-feira, o álbum final da série de álbuns Love Yourself, que explora a busca por identidade.

O single “IDOL” possui muitas referências a músicas antigas do BTS e seu videoclipe já passou da marca de 100 milhões de visualizações no YouTube. A música EDM e seu videoclipe se baseiam, principalmente, em batidas sul-africanas e, de maneira inusitada, adotam elementos da música tradicional coreana e seus símbolos como as roupas hanbok e um pavilhão.

A adoção de elementos tradicionais coreanos foi acidental, de acordo com o grupo, ao falarem que escolheram tais elementos enquanto procuravam imagens de festividades.

“Não foi que queríamos trazer elementos coreanos porque estamos nos dando muito bem [como um grupo coreano],” disse o integrante SUGA. “Nossa intenção era mostrar algo como um festival que reunisse pessoas de diferentes raças, sexos, idades,” ele disse, se referindo à última cena do videoclipe, onde se vê uma multidão dançando com o boygroup.

“Nesse álbum, nós queríamos nos libertar [da pressão] e brincar com nossos fãs como se estivéssemos em uma festa,” ele disse.

O vídeo de “IDOL” quebrou um recorde do YouTube ao atingir mais de 56.26 milhões de visualizações em 24h de lançamento, superando o recorde previamente criado por Taylor Swift em “Look What You Made Me Do”, que conseguiu 43.2 milhões de visualizações em seu primeiro dia.

Quando perguntado sobre o principal motivo do sucesso do grupo tanto em seu país como internacionalmente, SUGA mencionou a força do septeto em combinar músicas de fortes mensagens sociais, enquanto RM citou o foco extraordinário de cada membro nas apresentações em shows.

“Muitos vêem nossas habilidades de comunicação como o principal motivo de nosso sucesso, mas eu digo com certeza que isso é errado,” afirmou SUGA.

Durante a tour, os integrantes do BTS que normalmente focam em sua representação artística – JungKook, J-Hope e Jimin – irão mostrar mais de seu lado musical, enquanto que os outros, mais especializados em rap e vocais – V, RM e SUGA – irão aprofundar suas habilidades artísticas quando estiverem se apresentando solo.

“Eu sou um dos membros que foca mais em performance. [Mas dessa vez] Irei focar mais em meu rap e cantar ao vivo. Já que meu lado forte está na dança, irei encontrar um meio termo entre os dois,” disse J-Hope, se referindo à sua apresentação solo durante a tour mundial.

Após encerrarem a extremamente bem sucedida quadrilogia Love Yourself, o grupo ainda não tem um próximo projeto definido.

RM afirmou que quer trabalhar em um novo assunto, abordando como ele se relaciona e como contribui para a sociedade. “Eu não tenho certeza se isso é algo que nossa empresa [Big Hit Entertainment] também considera (para o próximo projeto), mas é o que eu posso te dizer,” concluiu RM.

 

Fonte: South China Morning Post
Trans eng-ptbr; fer zloccowick @ btsbr

Artigos | por em 01/09/2018
Compartilhe:

Comentários:


Anúncio