btsbr.co.vu/archive & btsbr.wordpress.com
SITE: Bangtan Brasil - Fã Base
VERSÃO: 1.4 - SPEAK YOURSELF
DESDE: 29.03.2013
VISITAS: 5.272.752 ARMYs
Bulletproof Boy Scouts (em coreano: 방탄소년단) é um grupo masculino sul coreano de hip-hop formado pela Big Hit Entertainment. Geralmente conhecidos como BTS, são também chamados de Bangtan ou Bangtan Boys. Eles estrearam em 13 de junho de 2013 com sua... LEIA MAIS
SEJA BEM VINDO À BANGTAN BRASIL, A PRIMEIRA E MAIOR FÃ BASE BRASILEIRA DO BTS. FEITA DE FÃ PARA FÃ!

Categoria: Artigo

Publicado em 12.12.2018
ARMYs comemoram aniversário de Jin de maneira criativa (e inusitada)!
ARMYs peruanos adotaram uma alpaca e a deram o nome de RJ!

ARMYs peruanos planejaram a surpresa de aniversário mais fofa para Jin, o integrante mais velho do BTS, que completou 26 anos no dia 4 de dezembro. Eles adotaram uma alpaca e a deram o nome de RJ, o alter-ego de Jin no BT21, para conscientizar as pessoas sobre a vulnerabilidade da espécie.

Na foto acima uma selfie de Jin com um boneco de pelúcia de RJ, sua criação para o BT21 e ao lado o novo filhote de alpaca, RJ, adotado pelos ARMYs peruanos.

No sábado, o maior fã-clube peruano do BTS anunciou pelo Twitter a adoção do filhote de 3 meses que foi batizado em homenagem à criação de Jin em uma cerimônia simbólica realizada no Parque Qolqanpata Inca em Cusco, Peru.

O fã-clube estendeu o convite do batismo de RJ para todos, convidando-os para acompanharem a cerimônia virtualmente numa live realizada via Twitter. “Você está convidado para o batismo de RJ, o filhote de alpaca da pelagem mais fofa de toda Cusco.”

A cerimônia de batismo foi realizada por profissionais do Parque, que é um centro de pesquisa dos Andes especializado na proteção de espécies vulneráveis, e 10 integrantes do fã-clube peruano responsável. A live do evento foi assistida por mais de 16 mil pessoas!

RJ é um dos oito personagens do BT21, desenhos animados que foram lançados e desenvolvidos pelo BTS em parceria com a Line, empresa subsidiária do maior portal da Coreia, o Naver. RJ foi desenvolvido por Jin, ele é uma alpaca que assim como seu criador tem um comportamento educado e um apetite insaciável.

Fotos e vídeos da recém-adotada filhotinha de alpaca, RJ, mostram-a usando uma bandana vermelha no pescoço assim como seu amigo 2D do BT21.

Os cuidadores de RJ são os zootécnicos Jose Carlos Adriazola e Monica Odazabal, juntamente com a administradora do Parque, Eliana Quispe Rojas.

O Parque Qolqanpata Inca emitiu um certificado da adoção de RJ “em nome de Jin” no dia 3 de dezembro, um dia antes do aniversário do artista. O certificado ainda expressa gratidão aos ARMYs peruanos envolvidos na organização e realização do projeto pelo comprometimento e apoio deles na missão de conservar a herança natural do Peru e “providenciar abrigo à fauna e flora peruana.”

BTS Peru’ está comprometido com o apoio às alpacas do parque como padrinhos e madrinhas de RJ, para que tal vulnerável espécie possa ser resgatada da exploração humana, cuidados inadequados, fome, entre outras situações de risco,” Jessica Cuadros Marquez e Shiomara Humani Condori, duas das responsáveis por trás do projeto disseram ao Korea Herald. “Nós queremos ajudar a preservar esta espécie nativa da América do Sul, assim como o bebê RJ.”

Falando sobre o projeto como representantes do fã-clube peruano, Marquez e Condori disseram que tal foi inspirado nas mensagens do BTS de amor tanto próprio quanto amor para com o próximo. “Assim como o BTS espalhou a mensagem sobre amor, nós queríamos mostrar aos ARMYs de todos os lugares um pouco mais da natureza peruana, e aumentar a conscientização para proteção, respeito e amor por toda a biodiversidade deste planeta.”

O anúncio oficial da adoção da alpaca feito pelo Twitter dá créditos ao BTS e Jin.

“Obrigado Jin, por mostrar seu amor pelos animais vulneráveis do Peru.”

Fonte: Kpop Herald
Trans eng-ptbr; Bia Rehm @BTS_BR


Publicado em 11.12.2018
10 presentes de Natal perfeitos para os ARMYs!
Confira a lista perfeita para presentear qualquer fã do BTS!

2018 foi o ano do BTS. O grupo continua a quebrar recordes e inspirar ARMYs, levando sua mensagem de esperança e amor até a ONU. Ninguém consegue se cansar de suas músicas, colaborações e filme, mas o grupo também vem trabalhando nos bastidores para vários produtos de beleza, moda e itens para casa. Desde tênis até maquiagem, nossos carrinhos de compra virtuais estão cheios de itens do BTS, e com a chegada das festas de final de ano, nós estamos acrescentando todos os itens que faltam nas nossas listas. Se em sua lista de compras tem um ARMY (ou se você é um), aqui estão dez presentes perfeitos para qualquer fã de BTS.

Meias

A estação da neve pode ficar muito fria, mas essas meias não-oficiais do BTS vão te manter quentinho. E mesmo se você não sofre de temperaturas extremas onde vive, você ainda vai querer combinar essas meias coloridas com suas roupas favoritas.

Máscara de cílios “Better Than Sex”

Finalmente vendo sua banda favorita ao vivo? É apenas natural chorar um pouco durante um show do BTS, mas se você quer evitar parecer um panda, a Too Faced pode te ajudar.

Arquinho do Tata (BT21)

Você já viu algum acessório mais fofo na sua vida? Esse headband do alienígena Tata seria perfeito para usar no próximo show do BTS ou apenas numa tarde qualquer assistindo vídeos do BTS no Youtube. Esse item é parte do BT21, uma coleção feita pelo BTS e disponível na Hot Topic.

Camiseta do BT21

Não consegue decidir qual produto do BT21 comprar? Mostre seu amor ao grupo inteiro com essa camiseta.

Máscara de dormir do Chimmy

Como demonstrado por Gigi Hadid máscaras de dormir podem facilmente virar um acessório de cabelo muito fashion.

Tênis BTS x PUMA Turin

Use o seu coração ARMY nós pés. Esses tênis foram feitos pelo grupo para a PUMA.

Cartões postais

Pule as mensagens de texto e mande suas mais importantes mensagens sobre o BTS pelo correio. Esses cartões postais estão disponíveis no site oficial do grupo.

Espelho

O espelho de bolso perfeito para os ARMYs. Você encontra o espelho compacto no site oficial do grupo.

Tinta de cabelo colorida

Os membros do BTS estão constantemente mudando o visual, e essa tinta temporária de cabelo irá te ajudar a mudar o visual inspirado pelo BTS.

Tênis PUMA x BTS Basket Patent

Lançados em setembro de 2018, esses tênis, feitos pelo BTS, esgotaram rapidamente. Mas eles retornaram ao site da PUMA em tempo para as festas de fim de ano.

Fonte: Teen Vogue
Trans eng/ptbr: gio liotti @btsbr


Publicado em 11.12.2018
7 momentos em que V nos mostrou sua criatividade e inteligência 💜
V tem coração e cérebro que valem ouro!

Kim Taehyung, também conhecido como V do BTS, é famoso por sua voz suave e aparência estonteante. Enquanto V também poderia ser o “rei do vocal” ou “rei do visual”, ele também está cheio de talentos ocultos. Assim como os outros integrantes do BTS, V também é extremamente inteligente. A maneira pela qual ele enxerga o mundo parece ter um filtro de curiosidade e admiração. Seja por meio da fotografia, arte, música, ou até mesmo videogames, existem diversos momentos em que V mostrou sua mente incrível para o mundo. Aqui estão 7 maneiras que ele nos mostrou que é mais do que sua beleza, e que seu cérebro é tão lindo (se não mais!) quanto seu rosto!

Seu poema “É nada demais” do ‘Run BTS’

V mostrou suas habilidades de composição no episódio 56 de “Run BTS”. Apesar de cômico e ter feito alguns integrantes rir, seu poema também foi extremamente sentimental. O verso repetitivo, “É nada demais”, foi uma forma de expressar que não importava o quanto eles sofressem, eles superariam tudo juntos. J-Hope até elogiou o poema, falando que rimava bastante, especialmente com o final de cada estrofe tinha uma onomatopeia.

Tradução: Namjoon, não desespere depois de mandar um beijo.
Isso é nada demais. Você mandar um beijo faz o coração dos ARMY enfraquecer. poom poom

Parecia uma música e foi muito reconfortante, e nos mostrou o tanto que V se importa com seus colegas de grupo!

Tradução: O que eu posso dizer, as vezes quando passávamos por problemas também era nada demais.

“Eu roxo vocês” (I purple you)

Sua ingenuidade não tem limites, e é possível vê-la quando redefiniu o significado da cor roxo durante o 3° muster do BTS em Seoul.

[TRAD] O roxo é a última cor do arco-íris. “Roxo” significa que eu vou confiar em vocês e te amar por muito tempo.

Desde então, a frase ganhou muito mais atenção, não só entre o fandom, mas entre os colegas de grupo também. V frequentemente utiliza a expressão ao se comunicar com os ARMYs, em shows ou nas redes sociais. RM também fez a referência quando, ao fazer seu personagem do BT21 Koya, o deu um nariz roxo.

Tradução: E roxo. V uma vez disse algo bem profundo sobre roxo.

“Eu roxo você” já foi reconhecido pela UNICEF e NAVER!

Tradução: Nós da UNICEF “roxo” vocês!

Tradução: “ser roxo” → confiar e amar uns aos outros. V, do BTS, usou essa palavra para expressar seus sentimentos enquanto admirava o projeto dos fãs com a cor em um de seus fanmeetings.

É uma frase que ele criou e tem um significado muito especial para quem ela foi destinada!

Seu entusiasmo pela arte!

V se fortalece nas artes. Ele tem uma paixão profunda pela fotografia, e suas fotos trazem diversas emoções. Ele também é fascinado por muitos artistas diferentes, desde Van Gogh até Jean-Michel Basquiat. Ele já revelou uma vez que estava praticando desenho e pediu para que nós mantivéssemos o segredo, mesmo que ele tenha mostrado os desenhos momentos depois.

Atualmente, seu hobby de desenhar evoluiu de um segredo mal guardado. Ele inseriu suas criações em seu guarda-roupa! Ele contou que vem desenhando em suas roupas, inspirado por Basquiat.


Tradução: E então eu pensei que queria contar para vocês “Hehe fui eu que fiz!”
Eu fui inspirado pelo meu artista favorito. Eu realmente amo Jean-Michel Basquiat e Egon Schiele.
*mostrando a jaqueta que ele mesmo pintou*

Seu talento para jogos e quizzes!

Enquanto o resto do BTS é desconfiado das respostas de V, ele já teve momentos em que ele foi o único a acertar a resposta. Seja em trivias, ou nos jogos do “Run BTS”, V nos prova que ele tem conhecimento em diversos assuntos!

Tradução: MC: Beethoven compôs uma cantata.
V: (FALSO)
MC: Sim, está errado
RM: Quem foi?

V: Bach!
MC: Bach.
JK: Ele está certo *assustado*
*J-Hope está impressionado*

Bônus: ele já conseguiu resolver um Cubo de Rubrik!

As maneiras inovadoras que descobre para resolver desafios do ‘Run BTS’

“Run BTS” já deu alguns desafios ambiciosos para os meninos, que deveriam competir um contra os outros para ser o vencedor. Em um deles, cada integrante deveria equilibrar um tapete na água, e transferir o refrigerante de uma garrafa para outra. Enquanto os outros 6 simplesmente serviram o refrigerante na garrafa vazia, V habilmente alinhou a boca das 2 garrafas e as girou como uma ampulheta. Ele impressionou os outros competidores e ganhou o desafio!


E também pode ser usado como um truque em festas!

Sua habilidade em atuação!

Além de o ter ajudado a ser fantástico em “Hwarang”, os talentos em atuação de V já o ajudaram a enganar seus colegas de grupo. Nos episódios 47-48 de “Run BTS”, ele conseguiu enganar a todos. Agindo como o espião, junto de SUGA e Jimin, foi sua atuação que levou a vitória do time Azul na invasão da Vila do BTS.

Tradução: *V está criando uma pista falsa*
Você está criando uma pista falsa?
Sim, estou. Espere um pouco.

Tradução: Primeiro, finja-se de tonto para o time adversário


Tradução: *V seguiu os outros para os fazer parar de procurar nas prateleiras*
Nada, né?

Ele sabia exatamente o que iria enganar seus amigos em pensar que ele era inocente, e também foi rápido em esconder a prova que revelaria sua posição. Realmente, o melhor jogador.


Tradução: *V deu a maior contribuição para a vitória do time dos de fora.*
A noite chegou na vila!

TATA do BT21!

E finalmente, tem sua criação original e inovadora, TATA. Assim como mostrado na série da Line Friends sobre BTS no processo de criação de seus personagens, V foi firme em sua posição de que TATA fosse um personagem singular, ao contrário de algo fofo. Ele estava certo de que os ARMY iriam preferir isso.


Tradução: Eu preferi fazer um personagem único do que fofo… Nossos fãs não querem só algo fofo.

Além de ser um coração, TATA pode se moldar para qualquer coisa que você precise que ele seja. Ele pode ser uma pessoa, um cachorro, um morcego, ou até mesmo um guarda-chuva. TATA é um personagem alienígena. que te dá o que você mais precisa. Seja amor, proteção, curiosidade, ou só diversão, ele é um personagem com quem podemos contar. O pensamento “fora da caixa” de V foi o que fez TATA ser um sucesso tão grande, já que TATA é o personagem mais popular do BT21!

Essas são apenas algumas formas pelas quais V prova que é um gênio secreto do BTS. SUGA mesmo já disse que V, para ele, é uma arma secreta!

fonte; soompi
trans eng-ptbr; fer zloccowick @ btsbr


Publicado em 08.12.2018
Crítica: Burn the Stage se aprofunda no fenômeno BTS
Burn the Stage: The Movie é poético, íntimo e, muitas vezes, hilário.

ATENÇÃO: Este artigo contém spoilers do filme Burn the Stage!

Há um momento em meio ao Burn the Stage, o filme-show do BTS, que parece profético: durante a parte norte-americana da Wings Tour — ou, mais especificamente, a 2017 BTS Live Trilogy Episode III: The Wings Tour para os ARMYs — os sete integrantes da sensação do K-Pop caminham em frente a um pôster dos Beatles. Esse encontro de ícones musicais aconteceu em março de 2017, dois meses antes do grupo levar para casa o prêmio Top Social Artist no Billboard Music Awards e nove meses antes da primeira apresentação do grupo na TV americana.

Mas onde a chegada dos Beatles nos palcos mundiais era dependente do público dos Estados Unidos (aparentemente, o ritual de passagem ideal para a maioria dos artistas), o BTS já estava esgotando os ingressos de arenas gigantescas ao redor do mundo sem a ajuda do grande público americano. O público choroso e ensurdecedor, no entanto, tem muita semelhança com a Invasão Britânica. O mundo da música pop mudou; ainda que a internet ajude a dividir os fandoms em diversas sub-culturas, o BTS se manteve uma força unida. E eles estão só começando.

Burn the Stage: The Movie é poético, íntimo e, muitas vezes, hilário. Mas o que ele certamente não é, é uma introdução para aqueles que não são fãs. Na verdade, o marketing do filme não está sendo feito para quem não é. O filme, adaptado da série de oito episódios de mesmo nome produzida pelo YouTube Red, vendeu mais que o filme do One Direction, Where We Are, ao ser lançado no começo de novembro, tanto que volta aos cinemas de todo mundo durante a semana do dia 5 de dezembro.

Eu assisti o Burn the Stage: The Movie em Mumbai, esse mês. Não tivemos sorte o suficiente para receber o filme de primeira devido a problemas com censura, mas os ARMYs são tão dedicados que não só convenceram as grandes redes de cinemas a levar a experiência de um show para a Índia (o grupo, lamentavelmente, nunca se apresentou aqui), como a primeira lista de sessões logo explodiu para 45 cidades diferentes. A minha sessão das 10 da manhã estava esgotada. Todos no cinema gritaram para o logo da BigHit Entertainment, mais alto que fãs de super-heróis para o logo da Marvel. E, sim, o adorável Lulu da Pomerânia de V, Yeontan, recebeu os aplausos mais altos da manhã.

A comparação com a Marvel é apta, uma vez que Burn The Stage se encaixa no padrão de fandoms que atravessam plataformas na era das redes sociais e seus anexos que formam histórias. Assistir ao filme é como seguir uma pequena parte de uma saga em andamento. Até mesmo novos recrutas do BTS ARMY provavelmente já sabem da origem do grupo pelos Bangtan Bombs, a web-série que começou em 2013. O filme, portanto, opta por mostrar o grupo — os rappers RM (Kim Namjoon), SUGA (Min Yoongi) e o também dançarino J-Hope (Jung Hoseok) e os vocalistas Jin (Kim Seokjin), também conhecido como Worldwide Handsome, Jimin (Park Jimin), V (Kim Taehyung) e JungKook (Jeon Jungkook) — em formação completa, tanto como indivíduos quanto como uma máquina bem-lubrificada.

O filme contorna a energia das performances bombásticas do grupo para nos mostrar os momentos entre as músicas. Vemos intervalos rápidos por entre a loucura nos palcos, ancorado por closes de toalhas frias e bolsas de gelo em pescoços machucados ao mesmo tempo que os assistentes re-aplicam maquiagem freneticamente antes da próxima performance. Como os próprios integrantes, o filme não se apega a essas dificuldades. Em vez disso, as aceitam como efeitos colaterais comuns (e até mesmo necessários) de ser a boy band mais famosa do planeta.

O único desapontamento notável de Burn The Stage, no entanto, é que o filme não só evita os aspectos performáticos (mantendo a audiência a uma distância visual e auditiva dos shows), mas o faz apesar de sentir que está construindo um clímax musical. Esse clímax, lamentavelmente, nunca chega.

Para os fãs que nunca viram o BTS se apresentar ao vivo, parece como uma promessa não cumprida, especialmente para uma boy band tão em controle da sua própria música e mensagem. A batida aumenta quando o grupo está prestes a subir no palco mas, quando emergem, o filme corta para outras apresentações, mostrando meros pedaços. A primeira vista, parece um bom jeito de nos levar por trás das câmeras e criar um contexto fundacional para o que acontece em cada show antes de termos a chance de experienciá-lo, mas depois da quarta ou quinta vez sem nenhuma energia ser liberada, uma pequena frustração começa a se formar.

O filme entrega o que propõe no seu foco primário: dos ensaios às reuniões de portas fechadas aos churrascos dos integrantes, assistir ao BTS em seu próprio elemento é um grande prazer. O filme espera que os espectadores dedicados saibam o suficiente sobre os meninos porque não pinta quadros individuais de cada um; exceto SUGA, que tira um intervalo da loucura com uma taça de vinho, relaxando em uma cadeira confortável enquanto o resto do grupo pula na piscina e comem direto da churrasqueira. A dinâmica coletiva do BTS é animada e inspiradora. Eles poderiam fazer isso em todas as turnês.

As visitas a vários países na divulgação que durou um ano são interrompidas por poemas, seja passando pela tela ou narrados pelo próprio grupo. Eles falam sobre o tempo que se estende perante eles como oceanos, das infinitas possibilidades frustradas pela saudade de casa e lesões ocasionais. Eles estão todos com vinte e poucos anos, então ter que lidar com limitações físicas como eles lidam é preocupante, mas o que separa a história deles das de outras bandas é a completa ausência de ego e conflito.

A primeira vez que eles apontam seus erros, é tão casual e direto que é compreensível esperar por uma briga. Mas não é quem o BTS é. Eles são um grupo que fala positivamente sobre saúde mental e Love Yourself, que o sucesso coletivo depende no bem-estar de cada indivíduo. Durante os intervalos dos ensaios, eles são amigos. Eles provocam uns aos outros, mas também cuidam da felicidade do outro; uma demonstração única de afeto masculino, baseado em intimidade brincalhona impossível de ser entendida somente através das câmeras. Mesmo as legendas tentam permanecer o mais autênticas possível, se recusando a localizar as piadas e trocadilhos que não funcionam quando não são em coreano (as legendas oferecem explicações para cada piada, embora elas passem rápido demais para serem lidas).

Imagem relacionada

Em algumas vezes, o diretor Park Jun-soo está presente para as reuniões pré-show; “Bang Bangtan!” o grupo grita em uníssono, animando uns aos outros antes de tomarem o palco. Outras vezes, são nos dado fragmentos de seus ‘vlogs’ pessoais enquanto escrevem música, ou se exercitam, ou relaxam nos quartos de hotel, continuando a tradição da narrativa pessoal do grupo. As multidões aparecem em bandos, balançando suas ARMY Bombs em sincronia com as apresentações ao vivo — uma visualização da energia que emerge do palco e se espalha pelo público — e os rapazes retornam cada mínima demonstração de afeto que lhes é mostrado.

RM, o falante de inglês oficial do grupo (auto-didata ao assistir Friends infinitas vezes), demonstra uma presença importante mesmo longe das câmeras da televisão. Ele fala sobre como o grupo ama o esforço que os fãs fazem para entender coreano, e como eles esperam retornar o favor ao dar o último discurso dos shows na língua local. Ainda que tudo isso seja parte do ‘pacote’ internacional do grupo, vem de um lugar de autenticidade e uma autonomia artística rara para o K-Pop. Isso fala muito sobre o espaço que eles ocupam na consciência global, ir além para unir as pessoas respeitosamente através da língua.

Finalmente, a falta de performances apresentadas na versão final pouco importa, especialmente em um tempo onde fãs provavelmente assistiram a turnê inteira no YouTube. Os ARMYs não reclamaram. Não quando estão sendo presenteados com o que parece ser conteúdo extra exclusivo de um DVD e que não está disponível na internet, na forma de uma jornada de um ano resumida em 84 minutos. É um ano de sangue, suor, lágrimas, risadas e apoio que os fãs podem experienciar com seus ídolos.

Além disso, os rapazes parecem retornar toda a adoração na mesma medida, fazendo o máximo que podem para fazer com que frases ensaiadas sobre seguir os próprios sonhos soem autênticas, mesmo em línguas que eles não falam. O filme é mais confortável do que visceralmente excitante, e isso não é algo ruim quando o conforto vem de uma unidade global. A maioria dos filmes-shows capturam um espírito da época que vivem, mas Burn The Stage: The Movie parece nos contar sobre um futuro melhor.

Fonte: Polygon
Trans eng-ptbr; nalu @ btsbr


Publicado em 08.12.2018
BTS e a importância da indicação ao GRAMMY
Mais um momento histórico para BTS e sua equipe: o Grammy!

A indicação por Best Recording Package (prêmio dado à melhor arte de álbum) marca um momento histórico para o BTS e sua equipe, honrando sua dedicação à conceitos.

O legado do BTS acaba de se expandir, com o septeto coreano e seu time ganhando sua primeira indicação a um Grammy no 61st Annual Grammy Awards, que acontecerá no próximo ano.

Love Yourself: Tear, do BTS, ganhou uma indicação por Best Recording Package. O álbum, que alcançou o 1° lugar na Billboard 200 em maio, é a primeira nomeação do grupo e um marco histórico para a cena musical coreana. O grupo está disputando junto do diretor de arte responsável por Tear, HuskyFox. HuskyFox é uma empresa de branding baseada em Seul, que almeja “construir relacionamentos entre marcas e usuários ao criar uma identidade por meio de linguagem de marca e elementos visuais, criando assim uma experiência de design.”

Love Yourself 轉 ‘Tear’ está concorrendo contra Massesuction, de St. Vincent, Be The Cowboy, de Mitski, The Offering, de The Chairman, e Well Kept Thing, de Foxhole.

Como as fãs podem provar, o álbum indicado possui uma das artes mais belas dos últimos anos — reforçando o famoso compromisso do grupo em apresentar visuais chamativos em seus conceitos, se destacando na indústria do K-Pop, que é por si só altamente visual. Cada um dos álbuns na trilogia Love Yourself possui 4 versões diferentes, cada uma com um conjunto diferente de fotos conceituais. Tear foi notável na medida em que teve um esquema de cores mais sombrios, e os artistas usaram cabelos mais escuros e roupas no mesmo estilo — indo de acordo com o tema do álbum de tristeza e coração partido.

O BTS receber essa indicação (junto de seu time de direção de arte) é mais uma prova da importância em ter times maiores que, trabalhando em conjunto, alcançam não só música de maior qualidade, como também visuais superiores e arte de álbuns que coincidem com os temas tratados pela música.

A indicação para Love Yourself 轉 ‘Tear’ marca um momento histórico na inclusão e reconhecimento de artistas sul-coreanos, e é um passo para “dentro” da academia, recebendo assim atenção da tradicional Recording Academy.

No 60th Annual Grammy Awards, ocorrido no ano passado, houve um empate para o vencedor de Best Album Package. Os diretores de arte Sasha Barr, Ed Steed e Josh Tilman, responsáveis pelo trabalho de Father John Misty, intitulado Pure Comedy (Deluxe), ganharam o prêmio junto com os diretores de arte do álbum El Orisha de la Rosa de Magín Díaz, Carlos Dussán, Juliana Jaramillo, Juan Felipe Martínez e Claudio Roncoli.

Apesar de complicado de se explicar, o prêmio de Best Album Package é dado tanto para os diretores de arte responsáveis, como o artista do álbum. É possível comprovar isso visitando a página de Father John Misty no Grammy.com, que fala que ele é ganhador de 1 Grammy em Best Album Package, e que possui 3 indicações.

A Billboard entrou em contato com a Recording Academy para confirmar se o BTS é considerado um indicado oficial, ou apenas HuskyFox.

fonte; billboard
trans eng-ptbr; fer zloccowick @ btsbr


Publicado em 06.12.2018
ARMYs criam um incrível “Vagão BTS” no Metrô de Seul
Imagina andar num metrô com decoração do BTS?!

Os ARMYs podem ser incrivelmente generosos e criativos quando necessário! Não apenas os fãs os ajudam a quebrar recordes ao comprar, fazer streaming em massa, e votar, eles também se encarregam de vários projetos em nome dos integrantes do grupo.

Recentemente, os K-ARMYs completaram uma iniciativa de doação de sangue em nome do Jimin para celebrar seu aniversário — 585 fãs coreanos doaram sangue, produtos do BTS e vouchers que são recebidos após o ato. Em homenagem, a Cruz Vermelha coreana enviou uma “carta de apreço” ao Jimin, reconhecendo a ação dos seus fãs.

Além  disso, após a controvérsia recente sobre a questão do Japão, cerca de 161 ARMYs coreanos e internacionais doaram US$ 3.300 à House of Sharing, uma organização que trabalha para as “mulheres de conforto” coreanas que sofreram com a escravidão sexual no Japão durante a Segunda Guerra Mundial. Um voluntário da organização disse que “Recebemos doações do exterior por décadas, mas nunca tivemos uma experiência assim. Muitos doadores de diversos países enviaram dinheiro para vítimas do crime de guerra.”

Em 29 de novembro de 2018, no entanto, cerca de oito fansites coreanos revelaram o último projeto do “Vagão BTS”, no qual decoraram um vagão inteiro da linha 2 do metrô de Seul nas cores temáticas do mais recente álbum do BTS, Love Yourself Answer. Os fansites que fizeram parte desse projeto especial são @Cupid_901, @jiminiful, @SUGACoffee309, @uniK_901, @TAETAEYES1230, @ALittleBraver92, @MoNiJunNi e @Adonis_Hoseok. Esse compartimento especial é o quinto vagão do trem nº 215 da linha 2 (verde) do metrô de Seul.

Nas imagens postadas nas redes sociais, você pode ver claramente que o chão do vagão está coberto com as letras da canção “Answer: Love Myself”, especificamente “O alvo daquelas milhares de flechas brilhantes, era eu.” Junto disso, os fãs também postaram um cumprimento dizendo “está frio e cansativo mas vamos encontrar o incrível BTS no metrô quentinho,” como um modo de promover o projeto.

Enquanto alguns relatos dizem que é para Kim Seokjin e Kim Taehyung, que vão celebrar seus aniversários, respectivamente,  nos dias 4 e 30 deste mês, outros fãs dizem que esse é um projeto para todos os sete integrantes do grupo.

Muitos K-ARMYs anunciaram o projeto pronto no Twitter ao postarem essas lindas fotos do “Vagão BTS”.

Todos os fansites que estavam participando e outro fãs que também viram o vagão postaram sobre nas suas contas no Twitter:

[TRAD] Os fãs do BTS coloriram de rosa a linha 2 do metrô. No chão do vagão, a letra da música “Answer: Love Myself” está escrita; “O alvo daquelas milhares de flechas brilhantes, era eu.” Os fãs prepararam esse evento especial para comemorar os aniversários de Jin e V. + #BTS @BTS_twt

[TRAD] 📣📣 O evento começou!

Você pode me ver na Linha 2 do metrô e começar o ano de 2019 quente e a prova de balas!💨💨

📍Estou no 5o vagão do trem #215🚇🚉

[TRAD] Esses fansites (@SUGACoffee309 @Cupid_901 @ALittleBraver92 @jiminiful @Adonis_Hoseok @MoNiJunNi @TAETAEYES1230 @uniK_901) criaram juntos o “Vagão BTS” no metrô de Seul; vai ser o quinto vagão no trem nº 215 na linha 2 do metrô de Seul. que bonito ;;;

[TRAD] Novidades 📣

O evento no metrô já começou. Você pode participar pegando a Linha 2 e iniciando 2019 aquecido e a prova de balas!!!

Linha 2, Trem 215, Vagão 5. 🚇🚉

Bem vindo ao trem do BTS! Aproveite 🐬

[TRAD] Surpresa! ❣️

Nosso “Vagão BTS” começou a rodar antes do previsto, venha ao 5o vagão do trem 215 na Linha 2 do metrô para viajar. 💖💛🧡

*N/T: o texto em coreano tem o mesmo significado do texto em inglês, portanto foi traduzido apenas o em inglês.

[TRAD] Nosso metrô de Seul começou a operar. O vagão será o quinto do trem nº 215 da linha 2 do metrô de Seul 2515 linha 2 primeira vez no vagão BTS? Bem-vindo~

[TRAD] Nosso metrô de Seul começou a operar  O vagão será o quinto do trem nº 215 da linha 2 do metrô de Seul!

O projeto iniciou dia 30 de novembro de 2018 e vai durar até início de janeiro de 2019.

O que você achou? Você gostaria de andar em um vagão do BTS?

Fonte: ED Times
Trans eng-ptbr; clau @ btsbr
trans ko-ptbr; fer zloccowick @ btsbr


Publicado em 05.12.2018
Explicando o sucesso do BTS e a influência de fãs que traduzem
Por trás do fenômeno global que é o boygroup sul-coreano, existem fãs [...]

O K-Pop (케이팝), tendo suas bases na Ásia, está super popular atualmente. Até pouco tempo, nenhum grupo de ídolos coreanos tivera sucesso no mercado estadunidense, cuja barreira de entrada é bem complicada de ser quebrada. O BTS (방탄소년단), no entanto, fez o que parecia impossível.

Vários fatores levaram o BTS a se tornar o boygroup mais popular do mundo, incluindo uma musicalidade excelente, vídeos de alta qualidade, letras às quais os ouvintes se identificam, o carisma de cada integrante e uma comunicação intensa através das redes sociais.

Como uma professora de coreano, eu me interessei pelas mudanças linguísticas refletidas nas atividades do BTS. Essas modificações podem ter ocorrido por três fenômenos: a diminuição do poder do inglês, o uso do coreano pelos fãs e a atividade de tradução do fandom do grupo, os ARMYs (아미).

1. A Hegemonia Fraturada do Inglês na Mídia

Hegemonia se refere ao poder do grupo dominante na sociedade. Nos séculos XX e XXI, o idioma inglês estabeleceu seu status absoluto nas esferas da diplomacia, comércio internacional, e nas artes e cultura como uma Língua Franca – um terceiro idioma usado por falantes de línguas nativas diferentes para uma forma comum de comunicação.

Contra este sistema, o BTS tem interrompido a hegemonia do inglês na mídia pouco a pouco – o que, ironicamente, significa mais para o povo coreano do que para as populações anglófonas. Um “complexo de inglês” é tão comum entre os coreanos que existe até um ditado, “Inglês é igual a poder (영어는 곧 권력).” A fluência em inglês é frequentemente usada para demonstrar o nível de educação ou o status de alguém. Assim, a maneira com a qual o BTS lida com as entrevistas internacionais é um tanto incrível. Mesmo os integrantes que não são muito bons em inglês brincam e algumas vezes respondem em coreano. Uma atitude de respeito próprio parece ter apelado não apenas aos fãs internacionais, mas também aos fãs coreanos.

Antes do BTS, cantores coreanos adotavam uma estratégia de localização em todos os aspectos, incluindo a linguagem, quando eles tentavam entrar no mercado norte-americano. Agências escolhiam asiáticos-americanos que sabiam falar inglês, ou ensinavam inglês aos integrantes coreanos dos grupos, para cantarem as letras em inglês para o mercado dos Estados Unidos. Infelizmente, entretanto, não tiveram nenhum sucesso notável. O BTS optou pela estratégia oposta. Abaixo segue o que SiHyuk Bang (방시혁), o CEO da Big Hit Entertainment (빅히트 엔터테인먼트) – a empresa a qual o BTS faz parte – disse em uma entrevista com a Billboard:

“Ensinar inglês a artistas de K-pop e assinar contratos com agências americanas é apenas fazer um cantor asiático iniciar sua carreira nos Estados Unidos. Isso não é ainda K-pop. É importante para artistas e produtores de K-pop focarem nas coisas que fazem melhor e misturar isso a coisas que fãs de músicas internacionais podem se identificar.”

Enquanto todos os outros tentaram remover suas características coreanas distintas, o BTS solidificou sua identidade. A imprensa internacional observa o orgulho do BTS sobre sua própria identidade como um dos principais fatores que os fizeram obter sucesso no mercado norte-americano. A presença da música do BTS em grandes canais de transmissão, o canto dos fãs durante suas músicas e o coro dos ARMYs dos nomes dos integrantes indicam que o poder do idioma dominante na mídia está lentamente caindo.

2. Coreano: Aceite-o como ele é

Como uma criadora de conteúdo coreano, eu sinto o poder dos ARMYs mais intensamente quando os fãs internacionais usam o coreano. O idioma nunca antes foi tão usado nas redes sociais, independentemente de nacionalidade.

Steven Pinker afirma que o cérebro de cada pessoa contém um dicionário de vocabulário com um dicionário de conceitos (dicionário mental) e uma regra de combinação de vocabulário para expressar a relação entre palavra e conceito. De acordo com esta teoria, os fãs parecem estar aceitando não apenas o dicionário coreano mas o dicionário de conceitos do BTS como um todo.

2.1 Pronunciando as letras como se ouve

Qualquer um exposto a um idioma estrangeiro sofre a interferência da língua materna, especialmente na escuta. Fonemas que não existem no idioma nativo do falante são substituídos por aqueles mais similares na língua nativa. Por exemplo, a primeira consoante do coreano, Giyeok (ㄱ). Falando estritamente, a pronúncia do Giyeok não é exatamente [g] nem [k]; pode ser ouvido tanto como [g] ou [k], dependendo da língua nativa do ouvinte. Na minha experiência, essa é a primeira dificuldade enfrentada pela maioria das pessoas ao aprender coreano.

Ao ir mais a fundo, algumas letras que são fáceis para os coreanos aprenderem podem ser bem difíceis para norte-americanos, por essa mesma razão. Requer muito esforço para eles escreverem as letras do BTS na escrita romanizada. O tipo de conteúdo mais usado são vídeos no YouTube que toca uma canção do BTS ao fundo enquanto mostra o rosto de cada integrante, indicando quem canta cada parte. As legendas são as letras coreanas, com a pronúncia romanizada e a tradução em inglês.

É assim que fãs internacionais que não sabem coreano aprendem a cantar junto às músicas do BTS. Mesmo eu que crio conteúdo em coreano fico cansada ao escrever as pronúncias romanizadas, e por isso a paixão dos fãs dos ARMYs é tão incrível. Não tem sentido eu discutir com eles sobre a precisão da notação – por exemplo, a noção de que a estrutura do idioma coreano não é refletida corretamente.

2.2 Usando expressões coreanas

Muitos fãs de BTS escrevem nas redes sociais em coreano sem tradução, usando palavras coreanas como os nomes dos integrantes, ou hyeong (형), oppa (오빠), mangnae (막내). Os fãs usam palavras que normalmente aparecem em conteúdos do BTS sem traduzi-las para seu próprio idioma.

Humboldt acreditava que a linguagem determina a cognição humana e o pensamento. Por causa disso, as pessoas que falam a mesma língua compartilham da mesma visão de mundo que ela oferece. Os fãs devem ter percebido alguns elementos culturais coreanos que o seu idioma nativo não compreende ao acessar conteúdos do grupo, e isso impulsiona os fãs a usarem o coreano.

3. Comprometimento do Time de Tradução ARMY

A fanbase de ARMYs não é só sobre consumir a música do BTS e seus diversos conteúdos. Os times de tradução internacionais ajudam a música do BTS a se comunicar por todo o mundo, através das barreiras do idioma coreano. Um dos principais times de tradução ARMY, Bangtan Translations, tem mais de 1,4 milhões de seguidores no Twitter (@BTS_Trans) em novembro de 2018 e seu canal no Youtube (Bangtan Subs) tem cerca de 1 milhão de inscritos.

Com o uso do BTS das redes sociais, seu conteúdo é postado de tempo em tempo sem aviso prévio. O Time de Tradução ARMY traduz esses conteúdos para o inglês poucos minutos ou horas depois dos garotos postarem. O texto em inglês é então traduzido para diversas línguas e compartilhado em diferentes redes sociais. Claro, a tradução não é totalmente igual, pois algumas expressões ou estruturas de frase apenas existem em coreano. Além disso, as letras do BTS contêm muitas metáforas únicas. Os ARMYs coreanos (K-ARMY) tentam traduzir com o significado mais próximo ao comentar todas as possíveis interpretações de expressões que não podem ser entendidas igualmente no inglês.

Graças a todos os seus esforços, os ARMYs internacionais (I-ARMY) podem acessar as notícias do BTS em tempo quase real. Durante esse processo, tanto os coreanos quanto os ARMYs internacionais formam uma relação entre si, e a energia desse vínculo é claramente transmitida ao BTS. Esse é a razão pela qual o BTS sempre fala dos ARMYs em cerimônias de premiação.

O sucesso do BTS não é limitado ao sucesso do boygroup coreano. Não apenas ele quebrou a ordem existente representada pelo idioma na mídia, como também abriu oportunidades para pessoas de todo o mundo poderem conhecer o coreano. Além disso, os ARMYs ajudaram a acelerar os esforços do BTS.

Fonte: Organic Korean
Trad eng-ptbr; clau @ btsbr


Publicado em 04.12.2018
ARMYs fazem doações em nome de Jin no seu aniversário
A cidade escolhida para receber as doações foi a terra natal do visual!

Em 3 de dezembro, a cidade de Gwacheon, na província de Gyeonggi, recebeu 344 kits de produtos de higiene femininos, no valor de cerca de ₩6 milhões (aproximadamente US$ 5400), dos ARMYs.

Gwacheon pretende distribuir os produtos à 86 estudantes de famílias baixa-renda, através de um amplo centro de assistência social na cidade. Cada estudante receberá 4 kits e se espera que eles durem por 10 meses.

Os ARMYs entraram em contato com a cidade de Gwacheon no final do mês passado e explicaram sua intenção por trás da doação, “Esperamos que essa doação possa transmitir o coração sincero e caloroso que Jin demonstra todos os dias”. A cidade de Gwacheon, cidade natal de Jin, fica localizada próxima a Seul, capital do país.

Um representante de Gwacheon disse, “Essa manhã, um integrante do fã clube veio à prefeitura e conferiu o recebimento dos produtos, mas não houve nenhuma cerimônia oficial para a doação”.

Jin celebrou seu 26º aniversário (na idade internacional, e o 27º na idade coreana) em 4 de dezembro.

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; Jojo Viola @ btsbr


Publicado em 04.12.2018
V tem o rosto mais bonito do mundo… E agora com cabelo vermelho! 😍
O retorno do aclamado cabelo de Save Me! Você também estava com saudade?

O Melon Music Awards 2018 estava recheado de apresentações espetaculares, grandes vitórias e até mesmo algumas surpresas. Mesmo que os fãs já estivessem esperando as apresentações de seus artistas e grupos de K-Pop favoritos, eles não estavam preparados para uma grande mudança feita por um integrante do aclamado grupo BTS — e esse é o novo visual do V. O cabelo vermelho de V no MMAs levou os ARMYs à loucura e todos os fãs ao redor do globo enlouqueceram com a mudança.

No dia 1° de dezembro, o vocalista Kim Taehyung — conhecido por seu nome artístico V, e integrante do grupo mundialmente famoso BTS, mostrou seu novo cabelo vermelho no palco do Gocheok Sky Dome, em Seul. Além da apresentação do septeto ter sido uma para ficar na história, os fãs imediatamente repararam a grande mudança na cor do cabelo e, em sua grande maioria, adoraram a nova cor. Em uma declaração no Twitter, um usuário disse: “Eu amo seu cabelo vermelho, você me lembra um morango e eu amo morangos.” Outro fã tweetou em capslock: “MEU DEUS O TAE COM CABELO VERMELHO ESTÁ ME MATANDO!”

Se você ainda não viu, saiba que o novo visual do pop star é apaixonante e merecedor de gritos em capslock. Olhe por você mesmo e me diga se não estou certo.

Animado com a cor vibrante, um fã, @sweaterpawschim, disse “O CABELO VERMELHO ESTÁ DE VOLTA!”

Outros fãs mal conseguiram lidar com a mudança, como @kaderdady01 falando, “hhhh V + cabelo vermelho = eu morta.”

Se você é um expert no que se trata do BTS, deve saber que esse cabelo não é novidade para V. Ele anteriormente foi ruivo durante a era de “Save Me”, do álbum The Most Beautiful Moment in Life: Young Forever.

[TRAD] V retornou seu cabelo vermelho 😍❤❤❤

Claramente essa não é a primeira vez que o vocalista muda seu visual radicalmente. No passado, ele já teve cabelo rosa, roxo, laranja, verde, loiro, castanho claro e castanho escuro; uma maneira divertida de deixar os fãs atentos e uma forma dele mudar seu look.

Em um artigo intitulado “Porque é importante quando um artista de K-Pop pinta seu cabelo”, o autor Devon Abelman afirma que, normalmente, mudanças nas cores de cabelo significam algo grande por vir, como uma nova música, novo videoclipe, ou álbum. Ele diz, “Estrelas de K-pop mudam seu cabelo, maquiagem e roupas baseado no conceito ou energia de suas novas músicas ou álbuns. Em apenas um ano, eles podem mudar seu cabelo diversas vezes, dependendo da quantidade de lançamentos que fizerem.”

Se a mudança do cabelo de V foi estratégica, não sabemos — mas os fãs adoraram.

O BTS ganhou diversos prêmios no MMAs e fez uma apresentação épica de 20 minutos com 3 músicas e coreografias incríveis. Cabelo vermelho ou normal, não é surpresa alguma que esses garotos são uma completa sensação.

Fonte: Elite Daily
Trans eng-ptbr; fer zloccowick @ btsbr


Publicado em 04.12.2018
O BTS nos ensinou a apreciar momentos em família… num comercial de CARROS?
O vídeo tem tudo aquilo que você quer ver em um ótimo comercial

“BTS inventou o inglês E carros? Aff nós realmente apoiamos talento”

Qual é o lance dos comerciais com carros nas festas de fim de ano? Eles sempre me fazem chorar! Geralmente, eu sinto que há dois tipos de pessoa no mundo — pessoas que conseguem identificar e sabem a diferença entre marcas de carro, e as pessoas como eu que nunca prestaram atenção no formato de seus faróis na vida. Mas, tudo isso está mudando graças ao novo comercial de carro do BTS. Agora, eu quero — não, preciso — de um Hyundai Palisade SUV. O vídeo de propaganda do Hyundai Palisade com BTS é cheio de tudo que você quer em um ótimo comercial. Ele tem um carro sexy, o melhor boygroup do mundo, e uma sincera mensagem sobre a importância da família. Eu tive que ligar para o meu irmão e minha mãe depois de assistir os meninos expressarem seu amor um pelo outro, porque ei — é o fim de ano, e o BTS mandou.

Realisticamente, fãs deveriam ter previsto um endosso com carros partindo da equipe do BTS. Eles são sem dúvidas o grupo musical mais popular do mundo agora, e seria apenas uma questão de tempo até eles colaborarem com uma poderosa empresa (uma poderosa empresa sul-coreana, ainda por cima!). Hyundai Motors os chamando para serem embaixadores globais da marca para seu novo emblemático SUV faz muito sentido. O que é surpreendente é o quão inspirador e incrivelmente cinemático o comercial é.

Primeiramente, o vídeo (que foi exibido durante a apresentação de carros da Hyundai em 28 de novembro) tem três minutos de duração, então você já sabe que não estamos falando do tipo bobo e comum de comercial de TV. Segundo, ele começa mostrando o grupo primeiro. Nós nem chegamos a ver o carro até depois dos primeiros 45 segundos. Nos primeiros momentos, os espectadores podem ouvir fãs entrando em erupção com aplausos tumultuosos e ver o brilho do show do BTS. Então, um simples texto em branco aparece na tela. Ele diz:

BTS… apresenta… um realmente… marcante… SUV… Hyundai Palisade… Que o show comece.

Bem dramático. Bem Hollywood.

Então, a câmera fecha em JungKook sentado no volante assobiando os primeiros segundos do hit do grupo, “DNA.” Lentamente, a câmera se move mostrando cada integrante do grupo relaxando no espaçoso SUV. Eventualmente, eles começam a conversar sobre o significado e definição de família.

Juntos, os meninos explicam — em inglês! — que você não precisa ter ligações de sangue para ser uma família. Para eles, uma família é uma combinação de amar e respeitar o grupo no qual você está e saber que são mais fortes juntos. No fim do tocante segmento, RM explica, “Nacionalidades, idades, cores de pele. Eles são todos bem-vindos na atual definição de família.”

Arrasou, RM. Além disso, BTS inventou o inglês e isso é um fato. Eu não estou aqui para debater. *desmaios*

OK, aqui está a obra de arte em sua totalidade:

Você amou, não é?

Eu gosto de k-pop há pouco tempo, mas eu sinto que assisti JungKook, V, Jimin, RM, J-Hope, SUGA e Jin crescerem diante dos meus olhos.

Viajar o mundo? Dominar as premiações? Chegar ao topo das paradas da Billboard? E agora, um comercial de carro para as festas de fim de ano? Eu não sei o que os meninos poderiam fazer para levantar suas carreiras desse ponto, mas eu tenho certeza de que se alguém pode descobrir isso, são eles próprios.

Acho que tenho que comprar um Hyundai agora. Aff.

Fonte: Elite Daily
Trans eng-ptbr; gabriela @ btsbr


Publicado em 03.12.2018
[#HappyJinDay] Feliz aniversário, Seokjin!
Artigo original em comemoração aos 26 anos do nosso vocalista e visual

Na mitologia e no folclore coreano, o tigre mantém diversos significados. Ele é, principalmente, tido como o guardião que expulsa espíritos do mal para longe e uma criatura sagrada que traz boa sorte. O tigre, na cultura coreana, é símbolo de coragem e poder absoluto.

Kim Seokjin é um tigre branco. No folclore da Coreia, o tigre que passou pelos julgamentos mais difíceis e superou os sofrimentos mais odiosos, se torna branco. Com virtude e benevolência, o tigre branco coreano é um ser sagrado que não machuca seres humanos; seu rugido é ouvido somente quando provocado por injustiças e atos desumanos.

Completando 26 anos, Jin se mostra, cada vez mais, como o tigre branco do BTS: resiliente, forte, bondoso e cheio de amor. Mesmo sendo o mais velho do grupo, ele demonstra que nunca perdeu seu espírito de mais jovem e é quem, junto com J-Hope, cuida do alívio cômico nos momentos tensos. Kim Seokjin, aos 26 anos, é o guardião do BTS, os protegendo de todo mal e levando boa sorte para quem o escuta.

Com o BTS, Jin e sua voz tocam pessoas em todos os lugares do mundo. Sua risada ecoa nos quartos e nos pensamentos de ARMYs que estão sozinhos ou com seus amigos; que precisam de apoio, ou que só querem um momento para relaxar. Seokjin, para os ARMYs, é símbolo de persistência, amor e dedicação. Ele nos ensina, todos os dias, que não devemos desistir; que, por mais que seja difícil, tudo valerá a pena. Como foi para o grupo antes do debut em 2013, quando garantia que todos se alimentassem e estivessem bem, Jin é a espinha dorsal do BTS e dos ARMYs. Ele é a presença mais reconfortante, como um abraço quentinho. Quando Jin está por perto, é garantido que os sentimentos serão de alegria e descontração.

Kim Seokjin, Jin, Worldwide Handsome: você é conhecido por muitos nomes, mas sua essência permanece a mesma. Seu espírito e atitude positiva caminham com cada ARMY que já ouviu a sua voz, seja ao vivo ou não. Hoje, no seu aniversário, e em todos os dias daqui para frente, você merece que sua vida seja repleta de amor, reconhecimento e sucesso. Como um tigre branco, você protege seus iguais e enfrenta todas as dificuldades. Agora, é a nossa vez de te amparar.

Obrigada, tigre branco.

Feliz aniversário, Kim Seokjin.

★ Não deixe de acompanhar a Bangtan Brasil no dia de hoje para relembrar alguns dos momentos mais marcantes ao lado do nosso perfeito Kim Seokjin. Aproveite também para o conhecer melhor! Acompanhe a hashtag #HappyJinDay e a @BTS_BR no Twitter e deixe mensagens bonitas para o Worldwide Handsome. ♥

★ Texto por Nalu @ BTSBR Tradução, e arte por Emi @ BTSBR Design. Por favor, não retire os créditos ou redistribua sem os mesmos.


Publicado em 03.12.2018
Jin e SUGA cumprem a promessa de saírem para pescar e foi MUITO fofo!
A dupla se divertiu em um encontro cercados pelo oceano durante a folga

Ao retornarem à Coreia do Sul para uma parada breve após a épica turnê mundial com o BTS, SUGA e Jin cumpriram sua promessa e foram pescar.

E. Foi. Muito. Adorável!

A dupla, que vem sendo os donos de 2018 junto do grupo de K-Pop, voltou para casa e foi direto para o mar vestidos em trajes de pesca legendários.

Compartilhando fotos na conta do grupo no Twitter, a dupla parecia muito satisfeita — se não um pouco congelados — enquanto SUGA mostrou seus joinhas para a câmera em diversas ocasiões, exibindo suas habilidades de pesca.

BTS' Suga and Jin fulfil primise to go fishing and it's just so wholesome (Picture: @BTS_twt)

Anteriormente, em uma entrevista, Jin e SUGA falaram sobre como haviam prometido pegar suas varas e ir pescar assim que conseguissem uma folga depois do show em Osaka, no Japão, já que só terão um show novamente no dia 8 de dezembro, em Taiwan.

Jin falou sobre suas expedições de pesca anteriores: “Foi legal. Yoongi disse que foi divertido pescar comigo.”

Quando perguntado se iria novamente, ele respondeu: “Se [SUGA] quiser, eu vou.” E estamos derretendo — eles totalmente queriam ir mais uma vez. Os ARMYs enlouqueceram com a fofura, e as redes sociais transbordaram com fãs que amaram o fato de que os dois amigos mantiveram sua promessa.

[TRAD] nada melhor que o bts prometendo fazer alguma coisa/ir a algum lugar juntos e cumprindo a promessa não importa como. prova a: yoonjin indo pescar; prova b: jikook indo àquele restaurante juntos

[TRAD] e o prêmio de casal do ano vai para…

[TRAD] yoonjin são aquele casal velho que vão em encontros de pescaria juntos e ficam se exibindo para os amigos em jantares e servem o peixe que pescaram falando “nós o pegamos Juntos”

[TRAD] é engraçado porque sempre que yoonjin saem juntos eles nunca tiram fotos ou vídeos e só ficamos sabendo sobre isso porque “fãs viram eles comendo” ou “fãs os viram caminhando pela cidade à noite” skjsksjs eu amo quando eles postam fotos mas também amo seus encontros secretos uwu

O encontro aconteceu após o documentário Burn The Stage, que traz uma espiada na vida do grupo, estrear em todo mundo nesta semana.

O que, na nossa opinião, é uma notícia ótima.

De acordo com a revista Variety, o filme será exibido em mais de 1.000 cinemas no mundo todo, o que deve gerar mais de duas mil exibições. O documentário já vem sendo exibido no Reino Unido e lugares como Estados Unidos, Australia, América Latina, Alemanha, Indonésia e Índia receberão estreias em breve.

O grupo sul-coreano lançou Burn The Stage na semana passada e já vendeu mais de 1,4 milhões de ingressos, ultrapassando os 1,2 milhões de ingressos vendidos para o filme Where We Are, do One Direction, em 2014.

Após um fim de semana de sucesso, o BTS já arrecadou US$14 milhões em receita com o documentário, provando o poder dos ARMYs.

Jin e SUGA definitivamente mereceram essa pequena viagem e só podemos esperar que o restante dos meninos estejam colocando os pés para cima e aproveitando a folga enquanto podem — antes do inevitável retorno para o palcos mundiais para nos abençoar mais uma vez.

Fonte: Metro
Trans eng-ptbr; nalu @ btsbr