btsbr.co.vu/archive & btsbr.wordpress.com
SITE: Bangtan Brasil - Fã Base
VERSÃO: 1.4 - SPEAK YOURSELF
DESDE: 29.03.2013
VISITAS: 5.272.752 ARMYs
Bulletproof Boy Scouts (em coreano: 방탄소년단) é um grupo masculino sul coreano de hip-hop formado pela Big Hit Entertainment. Geralmente conhecidos como BTS, são também chamados de Bangtan ou Bangtan Boys. Eles estrearam em 13 de junho de 2013 com sua... LEIA MAIS
SEJA BEM VINDO À BANGTAN BRASIL, A PRIMEIRA E MAIOR FÃ BASE BRASILEIRA DO BTS. FEITA DE FÃ PARA FÃ!

Categoria: News

Publicado em 11.07.2018
Sakaguchi Kentaro fala sobre sua amizade com o BTS
Eles se conheceram após "Don't Leave Me" do BTS se tornar a trilha sonora [...]

O ator japonês falou sobre sua amizade com o BTS que nasceu através de “Don’t Leave Me”, trilha sonora do J-drama ‘Signal’ do qual Sakaguchi foi protagonista.

Em visita à Coreia para promover seu novo filme, “Tonight, At the Movies”, Sakaguchi foi entrevistado pela emissora MBC e durante entrevista falou sobre sua relação com o BTS. “Eles cantam a música ‘Don’t Leave Me’, que é a música tema do remake de ‘Signal”, Kentaro comentou.

O ator que participou do fanmeeting japonês do grupo em Yokohama, no Japão, falou sobre como foi conhecer o grupo, “Eu os conheci e realmente acho que eles são um ótimo time. Nós ficamos próximos, então eu gostaria de ter a oportunidade de trabalhar com eles.”

E eles realmente mantém contato, já que durante a visita de Sakaguchi à Coreia ele e J-Hope saíram para jantar e o momento foi até compartilhado com os ARMYs através das fotos que o dançarino postou na conta oficial do BTS no Twitter.

Relembrando o momento durante o fanmeeting em Yokohama onde o ator teve seu rosto mostrado no telão momentos antes do BTS dedicar a pequena apresentação de “Don’t Leave Me” para ele, Kentaro disse: “Eu fiquei muito surpreso. Eu pensei ‘nossa eles são realmente incríveis’. As danças são impressionantes, a música é bacana e as vozes deles enquanto cantam são tão incríveis quanto eles.”

 

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; Bia Rehm @ BTSBR


Publicado em 11.07.2018
BTS realizará uma grande exposição para seus fãs
A exposição contará com imagens inéditas dos integrantes do BTS em seu dia-a-dia.

O BTS realizará sua exposição “2018 BTS EXHIBITION ‘Five, Always’” de 25 de agosto a 28 de outubro no Ara Art Center em Seul, dois anos e nove meses depois de sua primeira mostra em dezembro de 2015. A “2018 BTS EXHIBITION” estará localizada do porão até o quarto andar do centro de artes.

A exposição contará com imagens dos integrantes do BTS se preparando para seus álbuns, fotos que eles mesmos tiraram e vários vídeos. Além disso, haverá uma área de interação para os visitantes, onde eles poderão criar memórias e se comunicar com o grupo.

Os ingressos começarão a ser vendidos a partir de 10 de Julho no Interpark, com os restantes disponíveis no local.

 

Fonte: Soompi
Trad eng-pt: maureen h @ btsbr


Publicado em 10.07.2018
Liam Payne fala sobre o BTS no iHeartRadio
Liam gostaria de fazer uma parceria com o grupo.

No dia 4 de julho, Liam Payne respondeu uma pergunta sobre o BTS em um vídeo com a iHeartRadio no quadro “Ask Anything” (pergunte qualquer coisa).

“Quando você vê um grupo como o BTS, te faz lembrar da sua vida antiga?”, o cantor inglês começou a pensar sobre as possibilidades de ser ver no grupo. Ele respondeu que o BTS seria um grupo realmente difícil de se fazer parte, por causa das “danças difíceis”, e mais, “Todos podem se apresentar solo muito bem”, Liam disse. “Eles tem muitos estilos diferentes” Ele também acrescentou, meio hesitante: “E obviamente, eu não falo coreano…”

Embora as chances de ver Liam Payne com o BTS fossem improváveis, como sugerido pelo cantor, ele afirmou que queria trabalhar com o grupo no passado. “Na verdade queria fazer algo com eles mais cedo, mas alguém foi mais rápido que eu, então meio que recuei”.

 

Fonte: All Kpop
Trans eng-ptbr; natália feitosa @ btsbr


Publicado em 10.07.2018
Jaehyun (Golden Child) revela qual integrante do BTS é seu exemplo em estilo
Durante entrevista Jaehyun fala que V é o seu maior modelo quando se trata [...]

 

Em uma recente entrevista para a CeCi Magazine, Jaehyun do Golden Child falou sobre moda e sobre qual integrante do BTS ele mais se inspira quando o assunto é estilo.

Os meninos do Golden Child, Jaehyun e Bomin, posaram recentemente para uma sessão fotos de verão da edição de julho da CeCi Magazine, impressionando a equipe com suas expressões faciais e suas habilidades de atuação.

Durante a entrevista que acompanhou as fotos, os ídolos debateram seus estilos próprios e se abriram sobre suas rotinas. Quando perguntado sobre qual das recentes roupas ele considerava a mais memorável, Bomin respondeu,  “A que eu usei hoje. Por eu ser o maknae do grupo, eu nunca havia exposto tanta pele antes, mas hoje eu mostrei meu ombro pela primeira vez”.

Jaehyun prosseguiu adicionando que V é o seu maior modelo quando se trata de estilo. Ele observou, “Quando você olha para as roupas do V no aeroporto, ele sempre está muito bem vestido, como se algum estilista tivesse o vestido. Eu sempre penso ‘Eu quero me vestir assim também’, e salvo fotos dele no aeroporto.”

 

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr: jumaria @ BTSBR


Publicado em 10.07.2018
Teaser da ARMY BOMB – 3ª versão
Uma nova versão do lightstick do BTS será lançada!

No dia 5 de Julho, foi postada uma imagem teaser da 3a versão da Army Bomb, o lightstick oficial do grupo. Apesar de não se ver muito na imagem, é possível identificar o novo logo do septeto dentro do lightstick.

A última versão da Army Bomb foi lançada em Fevereiro de 2017.


Fique atento para mais novidades da nova Army Bomb!

 

Fonte; Soompi
trans eng-ptbr; fer zloccowick @ btsbr


Publicado em 06.07.2018
Canais já competem para garantir BTS nas premiações de final de ano
A agenda do BTS está lotada!

A guerra de convites para garantir o BTS em premiações de final de ano oficialmente começou.

Muitas pessoas de dentro da indústria que estão trabalhando nas premiações de final de ano e nos festivais para as três maiores emissoras televisivas, iniciaram um projeto para garantir a presença do BTS.

O BTS, que ficou no topo das paradas coreanas e internacionais este ano, se tornou uma parte essencial do line-up desses festivais e premiações que finalizam o calendário. Não importa o quão bem sucedido um novo álbum possa vir a ser na segunda metade deste ano, parece que será difícil bater os números do BTS.

O mais novo álbum do BTS, Love Yourself: Tear, foi lançado em 18 de maio, e vendeu 1.664.041 cópias durante o mês. Espera-se que esse número venha a ser ainda maior, uma vez que o valor total para o mês de junho seja calculado.

De acordo com o Gaon Chart, o álbum foi número 1 na parada mensal de álbuns em maio, e a mais alta venda mensal na história do Gaon Chart desde que o terceiro álbum de Jo Sung Mo vendeu 1.705.127 cópias, em 2000. Isso fez do BTS o primeiro artista a vender 1.6 milhões de cópias em 17 anos e 8 meses.

O porquê de o projeto para garantir o BTS como convidado já ter começado também está conectado aos palcos de apresentação. O horário das performances nos palcos, a programação das transmissões e a agenda do BTS devem estar alinhados a fim de que as preparações para as premiações se completem. Isso significa que a prioridade maior é encontrar uma data em que o BTS possa aparecer.

O problema é a agenda do BTS, que já está completamente lotada para este ano. Não é fácil balancear a turnê mundial e os vários compromissos do BTS para decidir um data para as cerimônias de premiação.

Uma fonte de dentro da BigHit Entertainment disse, “A agenda desse ano já está lotada. Com datas adicionais da turnê mundial, eles estão realmente ocupados este ano.”

Outra fonte, que trabalha para as premiações, disse, “Premiações e festivais acontecem no fim do ano, então o line-up final é decidido na segunda metade do ano, depois de observar os resultados cumulativos e totais.”

A fonte continuou, “Contudo, no caso de as vendas da música e do álbum estarem esmagadoras [bem na frente das outras], eles tentam ajustar a programação com a agenda desse artista adiantadamente. O BTS já tem ótimos resultados sem nem olhar o total acumulado. É por isso que a guerra de propostas para garantir o BTS já começou.”

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; VenomQ @ btsbr


Publicado em 05.07.2018
BTS leva turistas a cantos escondidos de Seul
Locais frequentados pelo BTS se tornaram pontos turísticos!

Yujeong, uma pequena lanchonete na região de Nonhyeon-dong, parece apenas um restaurante comum como em qualquer outra parte de Seul. Mede apenas 82m², mas se formam longas filas a cada horário de refeições, majoritariamente formada por mulheres e estrangeiros.

A razão para isso é que o modesto restaurante foi frequentado pelos ídolos do K-Pop BTS, desde que eles eram trainees, durante o aperfeiçoamento de seus talentos há uma década.

Kang Seon-ja, o dono de 65 anos, disse, “Nós tivemos um grande crescimento na clientela estrangeira desde que o BTS esteve no topo da parada da Billboard. Os clientes procuram os assentos que os meninos costumavam sentar, e cantam em uníssono, mesmo enquanto almoçam, quando toca músicas do BTS”.

A lanchonete é um dos principais pontos do tour temático para fãs do BTS. Houve um aumento nos números de fãs do Japão, América Latina, sudeste asiático e dos Estados Unidos que vêm para a Coreia para participar do passeio.

Um bar em Apgujeong-dong é outra parada, bem como lojas e uma cafeteria que vende produtos do BTS.

Deixar cartas aos seus ídolos na agência administrativa da Big Hit Entertainment também é parte do itinerário dos fãs.

Lugares em que os clipes foram gravados também são muito populares. Gangneung, na província de Gangwon, montou um ponto para fotos em uma parada de ônibus na praia de Jumunjin, a qual foi o cenário do vídeo de “Spring Day” do BTS e das fotos do encarte do álbum You Never Walk Alone.

Fonte: Naver
Trans: eng-ptbr; clau @ btsbr


Publicado em 05.07.2018
FAKE LOVE permanece no Billboard Hot 100 pela 6ª semana
O grupo é bem sucedido em vários charts da billboard!

O BTS está mais uma vez indo muito bem em vários charts da Billboard!

A Billboard atualizou as paradas para a semana que acaba em 7 de julho. “Fake Love” se mantém no chart de top músicas da Billboard, o Hot 100, pela sexta semana, agora na posição de número 76. Até agora o tempo mais longo que uma das faixas do BTS conseguiu ficar no Hot 100 é de 10 semanas, o que foi conquistado com o remix de “MIC Drop”.

Na Billboard 200, Love Yourself: Tear está em 30º (depois de ficar em 27º semana passada) e Love Yourself: Her subiu da posição 130 na semana passada para 127 nesta.

Love Yourself: Tear retornou ao 1º lugar no chart de World Albums, agora sendo sua quinta semana acumulada estando em primeiro. Love Yourself: Her segue em segundo lugar (sendo sua 41ª semana na parada), enquanto “You Never Walk Alone” subiu para o 10º, acumulando 47 semanas dentro do chart.

Na parada de transmissões por rádio de Músicas Pop, “Fake Love” subiu para 35ª posição depois de estar na 36ª, semana passada. Ela também fica estacionada no número 72 do Hot 100 Canadense, enquanto Love Yourself: Tear chega em 20º no chart de Álbuns Canadenses.

O BTS permanece na primeira colocação do Social 50, e sobe para o 7º lugar no chart Artista 100, no qual estiveram em 12º na última semana.

Parabéns, BTS!

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; VenomQ @ btsbr

 


Publicado em 05.07.2018
Jimin, a estrela do K-Pop: a jornada ao topo do cantor e dançarino e seu perfeccionismo
O vocalista e dançarino do grupo alcança admiração de seus fãs.

Como um dos vocalistas e dançarinos do grupo mais popular de K-pop, Jimin certamente alcançou admiração de seus fãs. Saiba de onde ele tira inspiração e o que ele tem a dizer sobre sua maquiagem.

Você sabe que chegou lá quando divide espaço com estrelas como Selena Gomez, Taylor Swift e Michael Jordan como embaixadores oficiais da Coca-Cola. Agora, o supergrupo masculino do momento são parte do clube de elite, assinando contrato com a gigante marca para marcar o início da Copa do Mundo, em junho.

O contrato de marketing chega em uma época de agenda cheia para o septeto, com o recém lançado álbum Love Yourself: Tear, em 18 de maio. O grupo também tem trabalhado muito em seus ensaios para a “Love Yourself World Tour” que terá início em 25 de agosto em Seul, para então partir pela América do Norte e Europa.

Os sete artistas possuem suas próprias legiões de fãs, e um deles é o vocalista e dançarino Park Jimin. Popularmente conhecido apenas como Jimin, com 22 anos ele é um perfeccionista cujo talento para o canto e dança será posto em evidência enquanto o BTS se prepara para o próximo passo em sua carreira nos próximos meses.

Aqui iremos dar uma olhada na vida de Jimin e seu papel no BTS até aqui.

Vida Pré-Debut

Jimin foi nascido e criado em Busan, cidade portuária da Coreia do Sul. Lá ele entrou para uma escola de ensino médio especializada em dança. Enquanto ele na infância sonhava em se tornar um policial, sua vida mudou completamente quando um professor o aconselhou a fazer uma audição para se tornar um trainee nas empresas de entretenimento. Jimin ouviu ao conselho e foi aceito pela Big Hit Entertainment, que o convidou para se tornar parte do BTS.

Inspirado pela estrela veterana do K-pop, Rain, Jimin decidiu estudar canto para ser tão bom vocalmente quanto era como dançarino, e aparentemente treinou tanto que por vezes chegou a dormir apenas três horas por noite.

Sua importância para o BTS

Jimin é o vocalista de apoio e parte dos responsáveis pela dança no BTS. Com seus 1,74m de altura ele é também o menor integrante do grupo, algo que os seus companheiros adoram tirar sarro e o provocar.

Desde o debut até o presente, os colegas de grupo como Jin diz que Jimin quase não mudou. “Alguém que permanece o mesmo e me surpreende é Jimin. Ele era o mais bonito entre nós na época de nosso debut, e tem mantido essa posição até agora,” disse Jin em uma entrevista para a revista IZE Magazine.

Seu trabalho solo

Mesmo que Jimin não tenha conquistado o mesmo nível de sucesso independente como seus companheiros de grupo, RM, SUGA e J-Hope, o seu trabalho dentro do BTS o permitiu o lançamento de sua primeira música solo, “Lie”.

“Essa música descreve uma pessoa que tenta fugir de mentiras e tentações. Como tem muitas notas agudas, foi bem difícil de gravar. Eu espero que as pessoas gostem, mas por favor, não antecipem por mim cantando ela ao vivo. Eu não consigo”, brincou Jimin durante uma entrevista em 2016 para um programa coreano. Jimin se provou muito errado, pois não apenas cantou sua música solo de maneira brilhante ao vivo nos shows da “The Wings Tour”, como também criou uma apresentação marcante para a música.

Sua imagem

Diferente dos integrantes mais extrovertidos do BTS, Jimin é visto como uma pessoa mais quieta, reservada e séria. Conhecido por seu perfeccionismo, ele constantemente fala sobre o quanto se dedica para dar o seu melhor para seus fãs, os ARMYs.

Dedicado e muito focado, Jimin é atraído pelo descanso merecido. Ele também não tem medo de usar maquiagem. “Quando estou sem delineador, eu me sinto sem-graça e é como se não conseguisse dançar. As vezes, eu sinto que não consigo fazer expressões que transmitam força porque me sinto muito básico olhando no espelho”, ele disse à IZE Magazine, ainda revelando que depende de seus maquiadores para o maquiá-lo, já que ele mesmo não sabe.

 

Em suas próprias palavras

“Eu estive nas notícias mundiais, e daqui a dez anos, eu espero me tornar um homem que o mundo todo deseja,” disse Jimin durante uma entrevista em vídeo em 2015.

“Eu sempre me torno alvo de piada… Eu não vou mais fazer essas coisas em câmera,” ele disse sobre massagear os ombros de seus companheiros de grupo durante um vídeo de bastidores de um photoshoot do BTS.

“Eu gosto do Hulk, dos Vingadores. A maioria das pessoas gostam do Homem de Ferro, mas eu gosto da maneira que o Hulk esmaga tudo. Ele não tenta ser discreto – ele apenas domina qualquer vilão que está em seu caminho”, Jimin revelando seu super-herói favorito em entrevista com a revista IZE Magazine.

Fonte: South China
Trans eng-ptbr; Bia Rehm @ BTSBR


Publicado em 05.07.2018
Distribuidores de produtos do BTS lucram com o crescimento da popularidade dos astros do K-pop ao redor do mundo
Fãs fazem filas nas lojas aumentando os lucros dos distribuidores.

Fãs do septeto coreano correm para adquirir produtos e álbuns anteriores enquanto seu último trabalho, Love Yourself: Tear faz história ao liderar a parada da Billboard 200

Os distribuidores estão surgindo como os mais recentes beneficiários da crescente popularidade do grupo de K-pop, BTS, a medida que os fãs correm para comprar seu último álbum e merchandise relacionados a eles.

Centenas de milhares de fãs ao redor do mundo estão adquirindo produtos, smartphones, roupas e outros itens promovidos pelo septeto online, enquanto outros chegam a ir até a Coreia do Sul para maratonas de compras.

Com o último álbum do grupo, Love Yourself: Tear, chegando ao topo da parada da Billboard 200 em menos de duas semanas depois de seu lançamento em 18 de maio, números expressivos  de fãs estrangeiros também se apressaram para comprar seus trabalhos anteriores.

De acordo com o eBay coreano, o lançamento do Love Yourself: Tear levou a um crescimento anual de 40% em vendas para suas categorias de músicas e livros até o dia 18 de maio, o dia em que o álbum foi finalmente posto a venda depois de um período de pré-vendas recorde.

O Gmarket, um popular distribuidor online sul-coreano, disse que as vendas de música e livros alcançaram um aumento anual de 106% em vendas durante a primeira semana de maio, devido a gigantesca procura por álbuns do BTS. Um pacote que inclui CDs com álbuns de foto, mini-livros e cards foi um sucesso de vendas.

Entre consumidores de 54 países, Taiwan liderou a lista, contando com 20% de todas as vezes, seguindo pela China com 11%. Países do sudeste asiático como a Malásia, Vietnã, Myanmar, Indonésia e as Filipinas contaram com 30% das vendas estrangeiras.

Consumidores de países do Oriente Médio, como a Arábia Saudita e os Emirados Árabes, assim como os da Europa, também compraram na plataforma online segundo a companhia. O crescimento da popularidade do K-pop nos Emirados Árabes é um fenômeno recente, com os fãs tendo acesso ao conteúdo através de plataformas da internet como o Youtube.

O eBay também está aproveitando o aumento das vendas de outros itens promovidos pelo BTS, como cosméticos (máscaras faciais) e itens de vestuários como camisetas.

Lojas físicas também lucram com o aumento na venda de itens relacionados ao BTS. Recentemente, fãs foram vistos fazendo fila em frente de uma Line Store em Mapo-gu, Seul, para comprar produtos que a empresa e o grupo se juntaram para criar.

O “BT21” é uma linha de produtos com oito personagens criados pelos integrantes do grupo, e não a partir de sua aparência física. Essa linha foi revelada pela primeira vez nas lojas da Line Friends na Times Square em Nova Iorque e na Boon the Shop em Seul, recebendo muita atenção de fãs ao redor do mundo. Na Times Square, a loja atraiu 35.000 visitantes diários depois do lançamento do BT21.

Uma loja da Line Friends em Itaewon, em Seul, começou a vender produtos da linha BT21 em janeiro, e no primeiro dia de vendas uma fila de 500 pessoas se formou do lado de fora da loja antes mesmo que ela abrisse. A Line Friends também começou a vender os produtos na Naver Store Farm e na Amazon Global Line Friends, também disponibilizando os personagens em um free shop do Aeroporto Internacional de Incheon desde janeiro. Além disso, há uma loja física em Harajuku, no Japão, que foi visitada por 15.000 pessoas no dia do lançamento dos produtos da linha BT21. Lojas físicas e online em Taiwan, Hong Kong e na Tailândia logo começarão a distribuir os produtos.

Fonte; South China Morning Post, Korea Times
Trans eng-pt; maureen h. @ btsbr

 


Publicado em 03.07.2018
Resenha de Love Yourself 轉 ‘Tear’ por Pitchfork
Confira a crítica feita pela respeitada plataforma Estadunidense.

O último álbum dos mestres da fórmula K-pop trabalha de forma habilidosa temas como amor e perda, com uma ênfase no rap mais forte do que nunca.

O K-pop há muito tempo está pronto para a sua grande explosão nos EUA e as estrelas se alinharam para o boygroup sul-coreano BTS. Não faz mal que agora seja mais fácil do que nunca ser um fã de K-pop neste lado do mundo, com o gênero sendo trabalhado sob medida para nossa atual cadeia de conteúdo alimentada por algoritmos. O BTS aproveitou a oportunidade, construindo uma base de fãs sedentos, não apenas em casa e nos Estados Unidos, mas também na América do Sul e Europa. O Bangtan (seu nome completo, Bangtan Sonyeondan, traduz-se “Bulletproof Boy Scouts” em Inglês), foram projetados para este momento, passando por uma curadoria, esteticamente otimizados para o consumo ocidental.

O BTS foi apresentado como a alternativa de arte a energia maníaca retratada pelo K-pop: um ato modesto, militante, cuja música é um veículo para escolhas e declarações artísticas maiores. Depois de fazerem o seu debut com um estilo “swag” característico do hip-hop, o grupo evoluiu da mistura de “rap cantante” para o esplendor eletro-pop. O conceito do álbum Wings (2016), foi inspirado no livro Demian (1919) de Hermann Hesse. O conceito visual de uma das melhores músicas do BTS, “Blood Sweat & Tears”, possui fotos pitorescas emolduradas em um museu pop-up como “A Queda dos Anjos Rebeldes”, “Pietà” de Michelangelo e citações de Nietzsche gravadas em pedra, que produziram leituras dramáticas de fãs do simbolismo presente no vídeo. Os membros co-escrevem e produzem suas canções, algumas das quais abordam profundamente questões como o bem-estar mental e a responsabilidade social, um processo que levou muitos a chamarem suas músicas de mais “pessoais”, uma palavra usada como atrativo para a canção ser levada mais a sério. Suas táticas foram imitadas por outros grupos posteriormente, mas de qualquer forma, o BTS é simplesmente o modelo K-pop maximizado por sua eficiência.

Love Yourself: 轉 ‘Tear’, sucessor do mini-álbum Love Yourself: ‘Her’ (2017) da discografia coreana e o japonês ‘FACE YOURSELF’ lançado nos primeiros meses de 2018, é uma marca caleidoscópica dessa eficiência, observando a fórmula refinada que o BTS está aperfeiçoando desde 2015. ‘Tear’, assim como ‘Her’, é uma espécie de álbum conceitual. Cerca de metade das músicas aderem ao subtítulo do álbum. Se “Her” foi uma variedade de canções de amor que professam corações, então “Tear” é o inverso. Ele lida principalmente, embora não exclusivamente, com o ciclo de pesar que perdura através de uma separação. Mas todas as músicas geralmente encontram seu caminho de volta ao amor próprio em algum momento. A faixa de abertura, “Intro: Singularity”, fornece sua tese. “Mesmo nos meus sonhos momentâneos / As ilusões que me torturam ainda são as mesmas”, canta V. “Eu me perdi ou ganhei você?”

Escrito e arranjado em parceria com o colaborador de longa data Pdogg e Hitman Bang (CEO da Big Hit Entertainment), juntamente com o apoio de outros parceiros como Steve Aoki, MNEK e DJ Swivel – co-produtor do Chainsmokers), ‘Tear’ tem como objetivo a coesão sonora e produz músicas prismáticas e divertidas durante este processo. Existe um nível de consistência temática em ‘Tear’ com pelo menos uma aparência de arco emocional sendo explorado nas 11 faixas: navegando entre um mundo de sonhos e a realidade em busca de um paraíso pessoal (que pode ser interpretado como uma analogia à ser uma estrela pop, visto especialmente em “Airplane PT. 2”), perdendo o amor e enfrentando as ansiedades e a solidão necessários. Tudo isso vem à tona no primeiro single “Fake Love”, caracterizado por uma letra que se traduz em: “Eu cresci uma flor que não podia florescer / Em um sonho que não pode se tornar realidade”.

O K-pop é muitas vezes experimental em forma e função, o que traz resultados que podem ser singularmente extraordinários em tom e qualidade. O BTS não está imune a isso, seus rappers – RM, J-Hope e SUGA – ancoram o grupo, não apenas mantendo-o ancorado a uma estética unificada em meio a mudanças de flow constantes, mas ditando muito do que acontece na música. De forma arrebatadora, na faixa dedicada exclusivamente ao trio “Outro: Tear”, os rappers se revezam nos levando ao êxtase com cadências fortes, às vezes subitamente trocando de lugar. Os vocalistas do grupo trocam curtos e doces trechos que muitas vezes giram em torno dos versos de rap. Onde os rappers são frequentemente substitutos e posições vagas em outros grupos de K-pop, eles são essenciais para a estrutura e composição das canções no BTS. Sussurros e vozes mansas e envolventes fazem “134340.” Em “Love Maze”, RM equilibra e brinca com as sílabas enquanto SUGA nos envolve com o flow característico do mais velho do trio. Entre eles, os outros membros se fazem notáveis com sussurros melódicos. O sequenciamento das rotinas vocais é tão cuidadosamente sincronizado quanto a coreografia em seus vídeos.

‘Tear’ não é tão ambicioso, estonteante ou trágico como Wings, que deu a cada um dos sete membros uma faixa solo, que vai desde a balada de piano e melodrama sinfônico de holofotes ao rap alternativo com “Blood Sweat & Tears” como sua peça central ideológica e estética. Mas há momentos como o atual, em que o BTS parece mais equilibrado e mais sincronizado do que nunca. O faixa “The Truth Untold” produzida por Aoki é uma surpresa épica; em vez de se inclinarem para o pop com sabor de EDM ou para a armadilha do remix de MIC Drop também em colaboração com Aoki, eles optam por uma balada ao piano meticulosamente pensada, perfeita, em que os quatro vocalistas do grupo entram e saem de suas estrofes com maestria. “Paradise” é amplamente impulsionado por alternadas trocas vocais graciosas de Jungkook, V, Jin e Jimin, que aparecem e recuam gentilmente.

Ao longo de Love Yourself: 轉 ‘Tear’, somos capazes de perceber que o BTS são sua melhor versão quando se apoiam uns nos outros, a troca mútua, é seu principal elemento.

A nota geral para o álbum é 7.1/10.


Fonte: Pitchfork
Trans eng-ptbr; Caroline Piazza @ btsbr

 


Publicado em 03.07.2018
Agora você pode tirar uma selfie na icônica parada de ônibus de “You Never Walk Alone”
A atração está programada para ficar disponível ao público em julho de 2018.

A cidade de Gangneung acabou de adicionar um novo ponto na sua tour do BTS… literalmente.

Os ARMYs viajando pela costa leste da Coreia agora podem visitar a icônica parada de ônibus do álbum You Never Walk Alone.

Em 2017, o BTS usou o conceito da parada de ônibus a beira mar para as fotos do encarte do You Never Walk Alone. Essas fotos combinaram viagens e o mar: temas também utilizados no vídeo para “Spring Day”, uma das faixas mais populares do álbum.

A prefeitura da cidade de Gangneung instalou uma réplica da parada de ônibus do BTS na praia de Jumunjin, junto com a placa correspondente do cenário. A atração está programada para ficar disponível ao público em julho de 2018.

Nenhum ônibus irá usar a parada em si, mas é um ótimo lugar para fãs aproveitarem as músicas do BTS e tirarem fotos de recordação.  “Esperando por um ônibus que nunca irá chegar perto da praia de Jumunjin, os visitantes podem aproveitar a música e o ritmo do BTS”, declarou um representante da cidade de Gangneung.

Os fãs poderão recriar suas fotos favoritas do ensaio ou criar novas memórias no que com certeza se tornará uma das maiores atrações turísticas de Gangneung nesse verão.

A parada de ônibus não é a única atração relacionada ao BTS que os fãs podem visitar na Coreia. O Aeródromo Mosun em Jecheon, no norte da província de Chungcheong, virou um ponto turístico graças ao clipe de “EPILOGUE: Young Forever”.

Os ARMYs também podem parar no Laundry Pizza, onde o BTS tirou fotos para o Love Yourself: Her ou tomar um café no &Gather, a cafeteria do episódio 45 do BTS Run.

Além de locações de programas e réplicas, os fãs também podem adquirir produtos na loja do BT21 em Itaewon e tirar fotos em frente ao novo prédio da Big Hit Entertainment.

A parada de ônibus de Gangneung pode ser a mais recente atração coreana relacionada ao BTS, mas provavelmente não será a última. Para ver a parada original, assista a gravação do ensaio fotográfico aqui.


Fonte; Koreaboo
Trans eng-ptbr; maureen h. @ btsbr