btsbr.co.vu/archive & btsbr.wordpress.com
SITE: Bangtan Brasil - Fã Base
VERSÃO: 1.3 - WINGS BLUE
DESDE: 29.03.2013
VISITAS: ARMYs
Bulletproof Boy Scouts (em coreano: 방탄소년단) é um grupo masculino sul coreano de hip-hop formado pela Big Hit Entertainment. Geralmente conhecidos como BTS, são também chamados de Bangtan ou Bangtan Boys. Eles estrearam em 13 de junho de 2013 com sua.. LEIA MAIS
SEJA BEM VINDO AO BANGTAN BRASIL, A PRIMEIRA E MAIOR FÃ BASE BRASILEIRA DO BTS. FEITA DE FÃ PARA FÃ!

Tag: fuse tv

Publicado em 12.10.2017
[NEWS] BTS quebra recorde ao manter um álbum três semanas consecutivas na Billboard 200
E o grupo não para de impressionar, BTS quebra mais um recorde!

Jeff Benjamin, colunista de K-Pop da Billboard, postou em seu twitter uma matéria sobre mais um recorde quebrado pelo BTS com o novo álbum, ‘Love Yourself: HER’.

[TRAD] A história continua. @BTS_twt quebra seu próprio recorde com o único álbum de K-Pop a passar três semanas na Billboard 200.

 

trans eng-ptbr; Amanda @ btsbr
via; jeff__benjamin @ Twitter


Publicado em 28.09.2017
[FOTO] Jeff Benjamin menciona o BTS no Twitter
Confira o tweet postado pelo colunista da Fuse TV.

O colunista de K-Pop da Fuse TV, Jeff Benjamin, mencionou o BTS no Twitter.

[TRAD] Obrigado @JoongAmgllbo por me entrevistar sobre o @BTS_twt e a história do K-Pop na América! Estou ansioso para ver isso hoje no jornal!

 

trans eng-ptbr; Amanda @ btsbr
via; Jeff__Benjamin @ Twitter


Publicado em 09.12.2016
[INFO] A Fuse TV listou o álbum ‘WINGS’ do BTS como um dos 20 melhores álbuns de 2016.
Em três anos desde o seu debut, o BTS conquistou uma base de fãs [...]

[TRAD] Em três anos desde o seu debut, o BTS conquistou uma base de fãs inteiramente apaixonados em todo o mundo, graças ao ativo envolvimento dos sete membros em escrever e produzir músicas vulneráveis e honestas — todas as raridades para se encontrar no K-pop. ‘WINGS’, seu segundo álbum, amplifica essas forças com conceitos mais fascinantes e produções totalmente acessíveis que não soa fora de lugar no rádio Top 40. Sua música título “Blood, Sweat & Tears” lembra recentes sucessos de Justin Bieber; “21st Century Girls” é, tingido de hip hop, um hino da capacitação feminina; e sua faixa de encerramento “Interlude: Wings” tem algumas batidas de clubes quentes de qualquer país. Talvez mais notavelmente, os ouvintes também obtêm conhecimento sobre as sete diferentes personalidades que compõem o BTS, por meio da canção solo que cada membro possui no disco. Você obtém tudo, desde a melancólica faixa de rap do Rap Monster, “Reflection”, até a vibrante balada de Jin, “Awake”. Há muitas coisas para se explorar no álbum de 15 faixas e uma forte indicação de que o BTS está apenas começando a realmente abrir suas asas.

Trad eng-ptbr; Mari @ btsbr  


Publicado em 21.11.2016
[NEWS] BTS envolve a escuridão em “Blood, Sweat & Tears”
BTS parece estar pronto pra dar um grande passo!

O grupo de kpop parece estar pronto pra dar um grande passo enquanto o novo álbum “Wings” voa para o primeiro lugar no iTunes guiado no melhor estilo Major Lazer.

Depois de um ano notável que inclui dois álbuns na Billboard 200 e dois datas de destaque para a KCon 2016, BTS está garantindo que sua trajetória não desacelere com um single popular e dançante que é perfeito para a sonoridade pop de hoje e deve ajudar a levar o grupo a alcançar ainda mais conquistas.

“Blood Sweat & Tears” é a musica de trabalho do segundo album completo do BTS, WINGS, e, como o titulo do álbum sugere, o grupo amado internacionalmente pode decolar e se tornar ainda maior do que antes. O single ostenta uma sonoridade melancólica e emotiva com Jimin, JungKook e V optando por um vocal suave, combinando perfeitamente com o apaixonado, as vezes grutal, rap feito por SUGA, Rap Monster e J-Hope.

A dança eletrônica e sensual após cada refrão soa como um dos gênero obrigatório e repletos de emoção de grandes referências como Major Lazer e Justin Bieber. De fato, não nos surpreenderia totalmente se ouvíssemos Major Lazer remixando “Blood Sweat & Tears” e acrescentando Bieber nessa mistura. Isso é o quão popular essa canção é em 2016.

Se no passado os lançamentos do BTS estavam focados na juventude e como a adolescência representa “o momento mais bonito da vida” (o título de seus últimos mini albums), o MV mais recente do grupo mostra os garotos se envolvendo com os mais complexos e obscuros elementos do mundo. Os sete parecem mais maduros do que nunca enquanto exploram um museu, bebem elixires coloridos, usam vendas, e sopram fumaça. Porém, eles também incluem alguns elementos divertidos e infantis  — sorrisos contagiosos, pirulitos e a maneira como eles pulam para e das câmeras.

O momento mais comovente acontece quando Jin encontra um anjo branco de concreto com asas pretas — uma típica metáfora para representar que nada é perfeito — e é compelido a beija-lá. Corta para V posto com as asas arrancadas de suas costas — novamente, parece indicar a aceitação de que um anjo pode perder suas asas. De alguma forma, BTS pode estar caminhando para um campo mais experimental e pessoal da carreira deles, de maneira com que comecem a abrir os olhos de seus fãs para mostrar como nada é 100% perfeito (incluindo eles mesmos), algo até então estabelecido no mundo do K-pop – onde tudo é movido para ser o mais intocável e livre de controvérsias.

Como reportado previamente, Wings pode marcar um momento essencial para o BTS, a medida em que eles parecem fazer história nos charts para artistas coreanos na América se eles conseguirem o 3º álbum nos charts estadunidenses. Essa conquista tem dado a impressão de que as “asas” (WINGS, no inglês) voaram para o 1º lugar nos charts gerais dos Top Álbuns no iTunes dos Estudos Unidos. “Blood Sweat & Tears” está no top 30 nos charts gerais de Singles. Fãs vão, sem dúvidas, se divertir muito ao assistir e rever o video para encontrar significados mais profundos no novo visual, enquanto estucar “WINGS” sem parar. O album de 15 faixas possui músicas solos de cada membro, e fãs de longa data serão presenteados com a quarta repetição das suas faixas “BTS Cypher”, intitulada “BTS Cypher 4”.

Ouça o relatório especial do Fuse’s Kpop podcast K-Stop abaixo para aprender como o BTS poderia estourar ainda mais na América com Wings na marca de 45:00.

Fonte: Fuse TV

Trans eng-ptbr; Lorrany @ btsbr


Publicado em 07.07.2016
[NEWS] O BTS prova porque foi o principal artista na KCON NY
O BTS provou enquanto encerrava o evento.

Como a Fuse observou anteriormente, os gritos quando o líder e rapper principal do BTS, Rap Monster, apareceu como MC surpreendendo o público presente para o primeiro dia de KCON NY, foi com certeza um dos momentos de maior euforia do evento, mas que ainda assim, não se compara ao que aconteceu quando este e os outros 6 membros que compõe o BTS, tomaram o palco e a Arena na noite seguinte. Enquanto o grupo de garotos famosos por suas coreografias executadas em perfeita sincronia, sua performance e setlist provaram porque o BTS carrega o título de headliner quando se trata de seus fãs internacionais.

Recebidos com gritos ensurdecedores e apresentados por Ailee e Eric Nam, o BTS começou sua apresentação já no topo do Mundo, enquanto seus membros gritavam animadamente para o público, levando-os a uma alta carga de emoção. O grupo abriu sua apresentação com as já conhecidas e certeiras ‘Fire’ e ‘Save Me’, com a última tendo levado o público ao delírio com sua coreografia.

Mas o que comprovou de fato o status de superestrelas do BTS, foram as músicas que vieram após os já conhecidos singles. A terceira música escolhida para a apresentação foi ‘Boyz With Fun’, presente no mini-álbum The Most Beautiful Moment in Life PT. 2. Ao invés de escolherem a já famosa ‘I Need U’ – música que estourou o BTS mundialmente e é considerado seu primeiro hit até mesmo na Coreia do Sul – os garotos optaram por outra canção. Entretanto, ‘Boyz With Fun’ não é esconhecida pelos fãs, que se juntaram ao grupo e arriscaram passos da coreografia – que provavelmente aprenderam no YouTube – com o BTS como já esperado, terminando sua performance de forma deslumbrante.

O BTS manteve o delírio do público com a escolha de “BTS Cypher, PT. 3: Killer” do álbum Dark&Wild lançado em 2014, como 4a música a compor a setlist. Os fãs de hip-hop sabem que os momentos de Cypher são únicos e raros, mas os 18.000 presentes na Arena foram presenteados com um. Devemos deixar claro que o BTS não precisou de uma performance e coreografias planejadas para encantar a audiência.

O grupo não teve muito tempo para falar com o público, mas estava claro que eles aproveitavam e apreciavam cada segundo – SUGA foi visto tirando seu ponto dos ouvidos para escutar o público aos gritos quando os recebiam no palco.

BTS encerrou sua apresentação com talvez a faixa favorita dos fãs ocidentais ‘Dope’, levando o público a loucura e mostrando que o grupo possui sim um nome de peso no mercado Americano. O BTS pôde manter-se confiante e arriscar performances de outras músicas que não fossem seus hits já conhecidos, o que é um feito para poucos artistas tratando-se de uma Arena lotada.

Fonte: Fuse TV
Trans eng-ptbr: piazza @ btsbr


Publicado em 31.03.2016
[NEWS] A Fuse TV classifica BTS e Taeyeon como alguns dos mais aguardados artistas para 2016
Famoso canal americano diz que o grupo é um dos mais aguardados para 2016

O K-Pop continua a mexer muito com o Mercado musical norte americano. Segundo uma lista publicada pela Teen Vogue, o K-Pop tem marcado muita presença na Fuse, um canal norte americano à cabo dedicado somente a música.

O BTS e a Taeyeon do Girls’ Generation são alguns dos nomes citados na lista da Teen Vogue, que também estão na lista dos artistas mais aguardados para 2016, segundo a Fuse, ao lado de outros artistas como Zayn, Drake, Ariana Grande, etc.

A Fuse falou do BTS como “o grupo que lançou dois dos melhores mini álbuns de 2016” e já indicou que o seu próximo lançamento, intitulado “Young Forever” poderá dar ainda mais ares joviais e frescos ao cenário do K-Pop, com os seus habituais tópicos sobre juventude, identidade e sonhos.

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; thami @ btsbr