Melhores amigos! MAX conta os detalhes por trás da sua amizade com SUGA 😍

Anúncio

Melhores amigos! MAX conta os detalhes por trás da sua amizade com SUGA 😍

Enquanto inúmeros artistas tem expressado o seu desejo em trabalhar com o BTS recentemente, MAX sonhou com uma oportunidade dessas por anos. “Nós precisamos remixar uma música do BTS agora”, disse MAX em uma entrevista para WILD 94.9 em outubro de 2017, após JungKook cantar uma de suas músicas, “One More Weekend”, durante uma live. Na época, o comentário parecia ser um daqueles sonhos que você pede ao universo com baixas expectativas de que ele realmente aconteça. Porém, maio de 2020 aconteceu. MAX se juntou a SUGA na faixa “Burn It” do álbum D-2 e experienciou algo bem maior do que uma colaboração com o BTS em seu currículo. Frases de MAX sobre sua amizade com SUGA revelam o porquê eles se entenderam tanto como artistas e eventualmente se tornaram amigos.

Imagem

Se você perguntar aos fãs, era apenas uma questão de tempo até MAX colaborar com o BTS. As outras parcerias do grupo como Halsey, Lauv e Becky G fluíram de forma orgânica, após eles demonstrarem respeito pela música um do outro em entrevistas e nas redes sociais. E assim, da mesma forma, a colaboração de MAX e SUGA aconteceu naturalmente. Depois de cada um deles demonstrar frequente apoio ao outro nas redes sociais desde 2017, MAX e SUGA se encontraram pela primeira vez em janeiro quando ele estava em Seul com a sua turnê, The Intimate AF Tour. MAX acreditava que o encontro seria curto devido à barreira linguística, porém ele estava errado.

“Nós adoramos basquete. Nós amamos música. Nós amamos comida. Nós estávamos com um dos seus principais managers, que estava traduzindo o tempo todo. Por isso, nós sentimos que estávamos falando a mesma língua”, contou Max para Elite Daily. “Algumas vezes você conhece alguém que parece um amigo de alma, como se você o conhecesse desde sempre. É assim com o SUGA.”

MAX ficou chocado quando a proposta de uma collab com SUGA veio à tona logo na primeira vez em que eles se encontraram. Com o talento do SUGA em compor, fazer rap e produzir, ele já tinha uma visão clara de como queria que a música deles fosse. Ele enviou a maior parte da letra e até mesmo a melodia, então tudo que MAX teria que fazer seria escrever seu verso do refrão. Porém, o cantor de “Love Me Less” foi além e aprendeu como pronunciar certas frases em coreano, gravou a harmonia e também os vocais de fundo.

MAX disse que ele é um “perfeccionista” e ao trabalhar com o SUGA, viu que com o BTS é o mesmo. “Uma das minhas coisas favoritas sobre os integrantes do BTS é a cultura que eles criaram”, disse MAX. “São os mais elevados padrões em tudo o que eles fazem, isso é muito inspirador… Eles são tão focados nos detalhes.”

MAX experienciou, em primeira mão, a dedicação do SUGA quando eles se encontraram pela segunda vez em fevereiro, dessa vez em Los Angeles no jogo dos Lakers. SUGA foi ao jogo após um longo dia de filmagem, mas não deixou que a exaustão o impedisse de aproveitar e curtir seu primeiro jogo de basquete norte americano.

“Você podia ver o quanto ele queria dormir. Ele descansava a cada intervalo, mas no segundo em que ele viu LeBron James, ele acordou e ficou na ponta cadeira”, MAX lembra. “Nós fizemos high-five todas as vezes que LeBron fazia uma enterrada… É incrível quando você vê alguém que você se tornou amigo experienciando algo pela primeira vez. É um momento mágico.”

A prioridade máxima de MAX trabalhando com outros artistas é que “venha naturalmente”, e a conexão dele com SUGA definitivamente fez com que isso acontecesse. MAX está mantendo essa mesma autenticidade para seu próximo álbum, Colour Vision. O lançamento estava previsto para maio, mas foi atrasado para setembro. “Eu passei tanto tempo trabalhando nesse álbum, eu apenas quero que o lançamento seja o que eu espero, por essa razão eu senti que era melhor atrasar”, ele conta.

Fazer Colour Vision da maneira correta significa tudo para MAX, porque simboliza um renascimento em sua carreira. No seu álbum de 2016, Hell’s Kitchen Angel, “tinham vários cozinheiros na cozinha” e se parecia mais com uma “coleção de músicas” para MAX, por isso ele se tornou ainda mais determinado em fazer Colour Vision um trabalho inteiramente seu.

“Eu acredito que eu tenha aprendido confiar nos meus instintos [nesse álbum]… E as coisas com maior significado serão, frequentemente, aquelas que têm um maior risco e as que eu me senti mais conectado e sabendo que eu coloquei meu mundo”, MAX explica.

MAX disse que correr riscos com sua música foi definitivamente o que uniu ele e SUGA. Ele se sentiu especialmente inspirado com o clipe de “Daechwita”, o qual ele descreve como uma produção cinematográfica. “É tão importante ter a sensação visual completa”, disse MAX. “SUGA deu tudo de si e isso é muito importante para mim também, outra razão pelo qual simplesmente nos demos bem”.

Na segunda-feira (20) uma música chamada “Blueberry Eyes” com os nomes de MAX e SUGA nos créditos da letra e composição foi registrada no BMI e ASCAP, os ARMYs estão certos de que essa nova parceria faz parte do álbum de MAX!

Nós vamos poder apreciar Colour Vision de MAX e descobrir se seremos presenteados com mais uma parceria da dupla de amigos, quando o álbum for lançado no dia 28 de setembro!

Fonte: Elite Daily
Tradução por Julia M. @ BTSBR

Artigos | por em 21/07/2020
Compartilhe:

Comentários:


Anúncio