BTS envolve a escuridão em “Blood, Sweat & Tears”

Anúncio

BTS envolve a escuridão em “Blood, Sweat & Tears”

O grupo de kpop parece estar pronto pra dar um grande passo enquanto o novo álbum “Wings” voa para o primeiro lugar no iTunes guiado no melhor estilo Major Lazer.

Depois de um ano notável que inclui dois álbuns na Billboard 200 e dois datas de destaque para a KCon 2016, BTS está garantindo que sua trajetória não desacelere com um single popular e dançante que é perfeito para a sonoridade pop de hoje e deve ajudar a levar o grupo a alcançar ainda mais conquistas.

“Blood Sweat & Tears” é a musica de trabalho do segundo album completo do BTS, WINGS, e, como o titulo do álbum sugere, o grupo amado internacionalmente pode decolar e se tornar ainda maior do que antes. O single ostenta uma sonoridade melancólica e emotiva com Jimin, JungKook e V optando por um vocal suave, combinando perfeitamente com o apaixonado, as vezes grutal, rap feito por SUGA, Rap Monster e J-Hope.

A dança eletrônica e sensual após cada refrão soa como um dos gênero obrigatório e repletos de emoção de grandes referências como Major Lazer e Justin Bieber. De fato, não nos surpreenderia totalmente se ouvíssemos Major Lazer remixando “Blood Sweat & Tears” e acrescentando Bieber nessa mistura. Isso é o quão popular essa canção é em 2016.

Se no passado os lançamentos do BTS estavam focados na juventude e como a adolescência representa “o momento mais bonito da vida” (o título de seus últimos mini albums), o MV mais recente do grupo mostra os garotos se envolvendo com os mais complexos e obscuros elementos do mundo. Os sete parecem mais maduros do que nunca enquanto exploram um museu, bebem elixires coloridos, usam vendas, e sopram fumaça. Porém, eles também incluem alguns elementos divertidos e infantis  — sorrisos contagiosos, pirulitos e a maneira como eles pulam para e das câmeras.

O momento mais comovente acontece quando Jin encontra um anjo branco de concreto com asas pretas — uma típica metáfora para representar que nada é perfeito — e é compelido a beija-lá. Corta para V posto com as asas arrancadas de suas costas — novamente, parece indicar a aceitação de que um anjo pode perder suas asas. De alguma forma, BTS pode estar caminhando para um campo mais experimental e pessoal da carreira deles, de maneira com que comecem a abrir os olhos de seus fãs para mostrar como nada é 100% perfeito (incluindo eles mesmos), algo até então estabelecido no mundo do K-pop – onde tudo é movido para ser o mais intocável e livre de controvérsias.

Como reportado previamente, Wings pode marcar um momento essencial para o BTS, a medida em que eles parecem fazer história nos charts para artistas coreanos na América se eles conseguirem o 3º álbum nos charts estadunidenses. Essa conquista tem dado a impressão de que as “asas” (WINGS, no inglês) voaram para o 1º lugar nos charts gerais dos Top Álbuns no iTunes dos Estudos Unidos. “Blood Sweat & Tears” está no top 30 nos charts gerais de Singles. Fãs vão, sem dúvidas, se divertir muito ao assistir e rever o video para encontrar significados mais profundos no novo visual, enquanto estucar “WINGS” sem parar. O album de 15 faixas possui músicas solos de cada membro, e fãs de longa data serão presenteados com a quarta repetição das suas faixas “BTS Cypher”, intitulada “BTS Cypher 4”.

Ouça o relatório especial do Fuse’s Kpop podcast K-Stop abaixo para aprender como o BTS poderia estourar ainda mais na América com Wings na marca de 45:00.

Fonte: Fuse TV

Trans eng-ptbr; Lorrany @ btsbr

Artigos | por em 21/11/2016
Compartilhe:

Comentários:


Anúncio