RM desabafa sobre cancelamentos na agenda do BTS: “Temos que seguir em frente”

Anúncio

RM desabafa sobre cancelamentos na agenda do BTS: “Temos que seguir em frente”

RM falou abertamente sobre o cancelamento dos shows do BTS na Coreia do Sul, e também sobre promover o novo álbum do grupo “Map of the Soul: 7” em meio a preocupações de saúde pública com a propagação do COVID-19, o novo coronavírus.

Ele fez uma live com os fãs no VLIVE no dia 10 de março para compartilhar as histórias por trás do novo álbum, falando sobre cada música e as experiências que fizeram parte do processo de criação.

Durante a transmissão, RM falou sobre promover “ON”, a faixa principal do novo álbum. Devido às crescentes preocupações de saúde pública em relação ao COVID-19, os programas de música estão gravando sem plateia ao vivo, e muitos grupos tiveram que limitar interações diretas com os fãs.

RM disse, “Eu estou dizendo isso agora que a divulgação já acabou, mas eu me senti sem energia algumas vezes durante as nossas atividades. Mesmo quando eu estava suando, não parecia suor real. Nós estávamos anunciando nossa volta mas não tinha ninguém lá, apenas câmeras. Claro, nós recebemos reações ao nosso comeback, mas nós não tivemos nenhuma interação direta com as pessoas ao vivo”. 

Ele continuou: “Mas eu continuo repetindo para mim mesmo como um mantra, nós não podemos perder a nossa energia, nós temos que estar felizes, nós temos que sorrir. Tantas pessoas estão passando por momentos difíceis, e nós pelo menos temos a chance de estar gravando. Eu fiquei falando isso e repetindo para mim. Se ficarmos assim, sem energia, vai fazer com que os nossos fãs que esperaram tanto por isso percam a energia também.”

RM continuou falando sobre os shows Map Of The Soul Tour na Coreia, que iriam acontecer nos dias 11, 12, 18 e 19 de abril, mas foram cancelados por conta da propagação do coronavírus. Ele foi honesto com os fãs e disse, “Foi muito difícil, e eu me senti sem poder algum. Nós tínhamos tantas coisas preparadas, que preparamos por muito tempo, e que ensaiamos por muito tempo também. Então eu me senti desanimado, realmente desanimado. Era para nós mostrarmos todas essas coisas para vocês.”

“Algumas vezes quando eu estava em casa nessas últimas duas semanas, eu sentia tanta raiva se acumulando como se eu estivesse ficando louco. Do nada, eu começava a gritar e sentir muita raiva, porque eu estava me sentindo deprimido. Eu estava chateado. Eu estava chateado, e eu senti como se não tivesse muito o que fazer de maneira realista. Mas eu queria que esse álbum saísse para o mundo. Todo o tempo, treino e ensaios que dedicamos para esse álbum tinha que ser imortalizado aqui. Desse jeito, tudo que fizemos não seria por nada. O mesmo vale para o amor e apoio de vocês.”

RM terminou em um tom positivo, dizendo, “Pelo menos nós podemos estar em transmissões. Eu pelo menos posso pegar emprestado o poder da mídia e compartilhar minhas histórias, porque interações offline não são possíveis atualmente. Mas temos que seguir em frente. O que mais podemos fazer? Nós temos que continuar seguindo em frente, e eu acredito que se as pessoas na Coreia esperarem, haverão boas notícias.”

Fonte: Soompi

Artigos | por em 18/03/2020
Compartilhe:

Comentários:


Anúncio