btsbr.co.vu/archive & btsbr.wordpress.com
SITE: Bangtan Brasil - Fã Base
VERSÃO: 1.4 - SPEAK YOURSELF
DESDE: 29.03.2013
VISITAS: 5.272.752 ARMYs
Bulletproof Boy Scouts (em coreano: 방탄소년단) é um grupo masculino sul coreano de hip-hop formado pela Big Hit Entertainment. Geralmente conhecidos como BTS, são também chamados de Bangtan ou Bangtan Boys. Eles estrearam em 13 de junho de 2013 com sua... LEIA MAIS
SEJA BEM VINDO À BANGTAN BRASIL, A PRIMEIRA E MAIOR FÃ BASE BRASILEIRA DO BTS. FEITA DE FÃ PARA FÃ!

Tag: unicef

Publicado em 11.10.2018
BTS @ UNICEF em Londres
No Reino Unido com sua turnê mundial, o grupo visitou a sede da organização

A página oficial da UNICEF do Reino Unido divulgou fotos do BTS em visita à sua sede na capital britânica para as campanhas #BTSLoveMyself e #EndViolence.


Publicado em 26.09.2018
BTS na ONU: “As histórias dos ARMYs sempre nos lembram da nossa responsabilidade”
RM sublinhou a importância de ouvir a própria voz para seguir seus caminhos

O líder Kim Namjoon, também conhecido como RM, tomou o pódio para discutir a importância de dar voz aos jovens e oportunidade para seguirem seus sonhos.

 

IMG 1

 

O BTS fez história ontem ao se tornar o primeiro grupo musical da Coreia do Sul a discursar nas Nações Unidas. O septeto se juntou a diversos delegados e jovens distintos de todos os lugares do mundo no lançamento da ‘Youth 2030: The UN Youth Strategy’ e o programa ‘Generation Unlimited’ do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) na segunda-feira, 24 de setembro, em Nova Iorque.

O líder do grupo, Kim Namjoon, que usa o nome artístico RM, tomou o pódio na 73ª sessão da Assembleia Geral da ONU para discutir a importância de dar voz aos jovens e oportunidades para seguirem seus sonhos em vez de serem enquadrados nas expectativas da sociedade. O rapper e produtor começou [o discurso] destacando as esperanças e sonhos de ser um super herói quando era mais novo, antes de se tornar consciente das pressões sociais e colocar esses sonhos de lado quando tinha 10 anos de idade. “Olhando pra trás, acho que foi por aí que comecei a me preocupar com o que os outros pensavam de mim e comecei a me enxergar pelos seus olhos. Eu parei de olhar para o céu e para as estrelas… Parei de sonhar acordado. Em vez disso, tentei me encaixar nos moldes que outras pessoas fizeram.”

RM sublinhou a importância de ouvir a própria voz para seguir o caminho que realmente deseja — uma voz que, eventualmente, o levou a ir atrás do seu maior amor: a música. Ele explica que houveram muitos altos e baixos mesmo depois de se juntar ao BTS — quando começaram e alguns anos depois, o grupo foi constantemente ridicularizado pela sua esperança de se tornarem uma voz para os jovens. “Algumas pessoas podem não acreditar, mas muita gente achou que não tínhamos chance. Às vezes, eu só queria desistir.”

O produtor continuou [o discurso] garantindo aos jovens que está tudo bem em cometer erros, contanto que permaneçam firmes em seguir verdadeiros a si mesmos. Ele também destacou a importância do trabalho em grupo, creditando o restantes dos integrantes do BTS — Jin, SUGA, J-Hope, Jimin, V e JungKook — e os fãs do grupo, os ARMYs, como as forças dirigentes na sua jornada ao sucesso. Aceitar seus defeitos e erros e ainda assim ter fé em si mesmo (o mantra chave dos álbuns de mega-sucesso do grupo, a série Love Yourself) também têm uma grande parte em mitigar a auto-dúvida que mina os jovens de hoje. “Essas culpas e erros são quem eu sou,” RM explicou, acrescentando, “Eu passei a me amar por quem eu sou, quem eu fui e quem eu espero me tornar.”

O líder do BTS terminou seu discurso de quase seis minutos instigando jovens ao redor do mundo a se aceitarem por quem são e falarem por si próprios, seguirem o caminho que realmente desejam e fazer uma diferença positiva. “Não importa quem você seja, de onde é, a cor da sua pele, sua identidade de gênero… Fale por si mesmo.”

O BTS foi convidado para o evento devido ao seu tremendo impacto na cultura jovem global atual através de sua arte e mensagens sociais, bem como suas ações filantrópicas, e são reconhecidos como embaixadores da boa-vontade da UNICEF para a parceria ‘Generation Unlimited’. Em novembro do ano passado, o grupo anunciou a parceria junto do Comitê da Coreia do Sul para a UNICEF para lançar a campanha ‘Love Myself: #ENDViolence’, dedicando uma porção das vendas de seus álbuns físicos para a causa. De acordo com o site da campanha, o valor das doações já somavam ₩ 1.154.593.599 (cerca de R$ 4.212.762,89).

De acordo com a Diretora Executiva da UNICEF Henrietta Fore, figura chave no lançamento, o programa ‘Generation Unlimited’ vai focar em incluir a criação de um ambiente saudável para crianças que necessitam, provendo educação (incluindo oportunidades fora da escola e programas de mentoria), ensinando diferentes línguas e tipos de tecnologias avançadas e muitas outras habilidades para que se juntem à parcela mais altamente qualificada da “força de trabalho do futuro”.

Com o público jovem e diverso do BTS prestando atenção ao trabalho do grupo na UNICEF e às palavras de RM na cúpula de segunda-feira (24), o grupo tem um papel imenso no movimento global para mobilizar sonhos. Com mais jovens sendo inspirados para termos um futuro melhor e mais feliz, isso contribui para a demanda por educação e a ajuda para provê-la àqueles que querem e precisam. A influência positiva do BTS em seus fãs criou um efeito cascata; os ARMYs são responsáveis por liderar grandes movimentos de caridade em diversos países, falando da importância da saúde mental, educação, equidade, feminismo e do apoio à comunidade LGBTQ+.

Fonte: Rolling Stone India
Trans eng-ptbr; nalu @ btsbr


Publicado em 25.09.2018
BTS encoraja a juventude em discurso histórico na Assembleia Geral da ONU
Kim Namjoon avisou à todo o mundo: É a vez dos jovens terem sua vozes ouvidas!

BTS entregou uma mensagem inspiradora e encorajadora ao fazer uma aparição histórica na 73ª Assembleia Geral da ONU!

No dia 24 de setembro, às 12:00, horário local, a UNICEF (Fundo das Nações Unidas para Crianças) lançou sua nova iniciativa chamada “Generation Unlimited” na 73ª Assembleia Geral da ONU, como parte da nova estratégia da ONU (Organização das Nações Unidas) para a juventude, chamada de “Youth 2030”. O lançamento foi encabeçado pelo Secretário-Geral da ONU António Guterres, pelo presidente de Ruanda Paul Kagame, pela Enviada do Secretária-Geral da Juventude Jayathma Wickramanayake, pela diretora-executiva da UNICEF Henrietta Fore e o presidente do World Bank Jim Yong Kim.

“Generation Unlimited” é uma parceria global destinada a “aumentar as oportunidades e investimentos a crianças e jovens entre 10 e 24 anos”, como também, engloba a mensagem “nosso tempo, nossa vez, e nosso futuro ilimitado”. Como explicado pela diretora-executiva da UNICEF, Henrietta Fore, é a vez dos jovens terem sua vozes ouvidas, e alcançar que toda a juventude, especialmente as garotas, aprendam, treinem e, que de acordo com sua idade, estejam devidamente empregadas até o ano de 2030.

Os primeiros planos incluem um programa na Argentina que conecta estudantes de áreas rurais com professores através da tecnologia digital, outro em Bangladesh que providencia treinamento em vários ofícios  e um programa de trabalho para as áreas de STEM na África do Sul.

Convidados como embaixadores da boa vontade da UNICEF, o BTS fez um discurso em homenagem ao lançamento da campanha, com RM como seu representante.

Ele iniciou o discurso se apresentando e expressando, “é uma imensa honra ter sido convidado para uma ocasião com tanto significado para a geração atual.”

RM procedeu seu pronunciamento fazendo uma reflexão entre a mensagem do BTS para campanha da UNICEF, Love Myself – “O amor verdadeiro se inicia quando você ama a si mesmo” – e o que este aprendeu através de suas experiências pessoais.

Ele então expressou, “Vamos dar mais um passo. Nós aprendemos a nos amar. Então, agora, peço-lhe para falar por você. Gostaria de perguntar a todos: “Qual é o seu nome?”

“O que te excita e faz seu coração bater? Me conte sua história. Eu quero ouvir a sua voz. Eu quero ouvir sua convicção. Não importa quem você é, de onde você é, sua cor de pele, sua identidade de gênero, apenas fale você mesmo. Encontre seu nome e encontre sua voz falando você mesmo.”

Veja o discurso completo abaixo:

 

Fonte: Soompi
Trad eng-ptbr; fernanda azevedo @ btsbr

 


Publicado em 25.09.2018
BTS @ Rede Globo: Bom Dia Brasil & Estúdio I
Com a repercussão do discurso, o grupo foi destaque na grade da emissora

 

Você pode assistir ao discurso legendado, clicando aqui.

 


Publicado em 24.09.2018
BTS para “Generation Unlimited” @ Assembleia Geral da ONU
Nós juntamos todo o conteúdo divulgado pela imprensa e ONU em um único post!

Fotos oficiais de imprensa:

 

BTS no Instagram Stories da UNICEF:

 

Vídeo oficial dos melhores momentos com o BTS feito pela ONU:


Publicado em 24.09.2018
🎥 Discurso do BTS na Assembleia Geral da ONU para #Youth2030
Assista ao vídeo legendado em português pela Equipe da Bangtan Brasil

RM e o BTS estiveram na 73ª Assembleia Geral da ONU em Nova York em 24/09/2018 para o lançamento da Campanha #Youth2030.


Publicado em 24.09.2018
Discurso de RM para a Organização das Nações Unidas
Leia o discurso emocionante feito pelo líder diante da Assembleia Geral da ONU

Obrigado ao Sr. Secretário Geral, [Sra.] Diretora Executiva da UNICEF e todas as excelências e grandes convidados de todo o mundo.

Meu nome é Kim Namjoon, também conhecido como RM, líder do grupo BTS. É uma honra ter sido convidado para essa ocasião com tanto significado para a jovem geração de hoje.

Em novembro passado, o BTS lançou a campanha Love Myself com a UNICEF, construída sobre a crença que o verdadeiro amor começa com amando a si mesmo. Ao formar a parceria com o programa #ENDViolence da UNICEF para proteger crianças e jovens em todo mundo da violência. Nossos fãs se tornaram uma grande parte da campanha; com suas ações e entusiasmo. Nós realmente temos os melhores fãs do mundo.

E eu gostaria de começar falando de mim mesmo. Eu nasci em Ilsan, uma cidade perto de Seul, na Coreia do Sul. É um lugar muito bonito com um lago, colinas, e até um festival anual de flores. Eu tive uma infância muito feliz lá e eu era só… um garoto comum. Eu costumava olhar com fascínio para o céu à noite e costumava sonhar os sonhos de um garoto, imaginando que eu era um super heroi que poderia salvar o mundo. Na intro de um dos nossos primeiros álbuns tem uma parte que diz “meu coração parou de bater quando eu tinha 9 ou 10 anos”.

Lembrando disso, eu acho que foi aí que comecei a me preocupar com o que as pessoas pensavam de mim, e comecei a me enxergar pelos olhos delas. Eu parei de olhar para o céu, para as estrelas… Parei de sonhar acordado e, em vez disso, comecei a tentar me encaixar nos moldes que outras pessoas faziam. Logo, [também] comecei a calar minha própria voz e a ouvir as vozes de outros. Ninguém chamava meu nome, nem eu mesmo; meu coração parou e meus olhos se fecharam.

Então, dessa maneira, eu, todos nós, perdemos nossos nomes. Nos tornamos fantasmas. Mas eu tinha um santuário, e era a música. Havia uma voz dentro de mim que dizia “acorda cara, escute a si mesmo”. Mas levou um longo tempo para que eu ouvisse a música chamando pelo meu verdadeiro nome. Mesmo depois de tomar a decisão de me juntar ao BTS, houveram muitas dificuldades. Algumas pessoas podem não acreditar, mas… muita gente achou que não tínhamos chance e, às vezes… Eu só queria desistir. Mas tive muita sorte por não desistir de tudo. E tenho certeza que eu, e nós, continuaremos tropeçando e caindo desse jeito.

O BTS se transformou em um grupo de artistas que se apresentam em estádios enormes e vendem milhões de álbuns, mas nesse exato momento, eu ainda sou um garoto comum de 24 anos. Se existe alguma coisa que eu alcancei, só foi possível porque tenho os outros integrantes do BTS ao meu lado, e graças ao amor e apoio que os nossos ARMYs, nossos fãs de todos os cantos do mundo nos dão. E talvez… Eu posso ter cometido um erro ontem. Mas o eu de ontem, ainda sou eu. Hoje, eu sou quem eu sou, com todos os meus erros e falhas. Amanhã, eu posso ser… Um pouco mais sábio e esse também serei eu. Esses erros e falhas são quem eu sou, fazendo as estrelas mais brilhantes na constelação da minha vida. Eu consegui me amar pelo que sou, por quem fui e por quem pretendo ser.

Eu gostaria de dizer mais uma coisa: Depois de lançarmos os álbuns Love Yourself e a campanha Love Myself, nós começamos a ouvir histórias memoráveis de nossos fãs de todo o mundo, sobre como a nossa mensagem os ajudou a superar as suas batalhas pessoais e amarem a si mesmos. Essas histórias constantemente nos lembram da nossa responsabilidade.

Então, vamos todos dar mais um passo. Nós todos aprendemos a nos amar, então agora eu peço para que você fale por si mesmo. Eu gostaria de perguntar à todos vocês: Qual o seu nome? O que te anima e faz o seu coração bater mais forte? Me conte a sua história, eu quero ouvir a sua voz e eu quero ouvir as sua convicções. Não importa quem você seja, de onde você vem, a cor da sua pele, o gênero com o que se identifica… Fale por si mesmo. Encontre o seu nome, encontre a sua voz, falando por si mesmo.

Imagem de gif, bts, and kpop

Eu sou Kim Namjoon, e também RM do BTS. Eu sou um ídolo e um artista vindo de uma cidade pequena da Coreia. Como a maior parte das pessoas, eu cometi muitos e diversos erros em minha vida. Eu tenho muitas falhas, e tenho medo de inúmeras coisas, mas eu vou abraçar a mim mesmo o mais forte que puder. E eu estou começando a me amar, gradualmente, pouco a pouco.

Qual é o seu nome? Fale por si mesmo.
Muito obrigado.

Imagem de namjoon, gif, and rm

transcrito por guwoljk
trans eng-ptbr; nalu & caroline piazza @ btsbr


Publicado em 20.09.2018
BTS e UNICEF juntos novamente!
O grupo é o rosto para divulgação do projeto mundial "Generation Unlimited"

O BTS comparecerá à cerimônia da UNICEF para anunciar a nova agenda da juventude no dia 24 de setembro. O grupo apresentará um discurso de três minutos na sede das Nações Unidas em Nova York perante figuras importantes, incluindo a primeira-dama da Coreia do Sul Kim Jung-sook.

 

 

O grupo de K-pop mais popular do mundo fará seu “debut” na Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, onde ocorre a 73ª Assembleia Geral da ONU. A popularidade do BTS cresceu e seu status se tornou tão relevante a ponto de receberem o convite para comparecerem à ONU junto de líderes mundiais como Moon Jae-in, presidente da Coreia do Sul, e Donald Trump, presidente dos Estados Unidos. A 73ª rodada da Assembleia Geral começou no dia 18 de setembro e vai até o mês que vem.

 

De acordo com as Nações Unidas, o BTS comparecerá a uma cerimônia para anunciar a nova agenda da juventude da UNICEF, chamada de parceria “Generation unlimited”, no encontro do conselho administrativo da sede da ONU em Nova York, ao meio-dia do dia 24 de setembro (horário local). O grupo dará um discurso de três minutos em frente ao público.

“Generation unlimited” é o novo programa de parceria global das Nações Unidas para o investimento e expansão de oportunidades para adolescentes e jovens adultos entre 10 e 24 anos. O evento, que ocorre um dia antes do início dos debates oficiais da Assembleia Geral, contará com a presença de dez oficiais de alto nível, incluindo o atual Secretário Geral da ONU António Guterres e a Diretora Executiva da UNICEF Henrietta Fore, além de três primeiras-damas, entre elas a primeira-dama sul-coreana Kim Jung-sook.

Diplomatas comentaram que não é comum que artistas de K-pop compareçam durante a Assembleia Geral, onde líderes mundiais se reúnem. Kim Yu-na, embaixadora das Olimpíadas de Inverno de Pyeongchang 2018, discursou por três minutos na sede das Nações Unidas em novembro do ano passado, porém não durante a sessão da Assembleia Geral.

 

O BTS se tornou o primeiro artista coreano a atingir o primeiro lugar da parada de álbuns da Billboard 200 com Love Yourself: 轉 ‘Tear’. Em particular, junto da Comissão Coreana das Nações Unidas para a UNICEF, o BTS e as Nações Unidas promoveram a campanha “Love Myself” por mudanças sociais e patrocinaram a campanha “End Violence” da UNICEF. É a primeira vez que um grupo de K-pop se envolve em campanhas do tipo. “Love Myself” se compromete na promoção do amor próprio para tornar o mundo um lugar melhor.

 

O BTS decidiu doar parte dos lucros da venda dos álbuns da série “Love Yourself” e dos produtos oficiais, além de estimular doações do público geral. Em novembro passado, mais de ₩ 500 milhões já haviam sido doados para a campanha. Fãs de todo o mundo se juntaram e já doaram quase ₩ 1,15 bilhões.

 

O BTS começou sua BTS World Tour: Love Yourself no último dia 5 de setembro em Los Angeles, e será o primeiro artista coreano a se apresentar no estádio Citi Field em Nova York, no próximo dia 6 de outubro, após comparecer ao encontro da Assembleia Geral das Nações Unidas.

 

Fonte: Naver
Trans ko-ptbr; nalu @ btsbr


Publicado em 15.09.2018
UNICEF Brasil agradece ao BTS pela campanha “Love Myself”
A campanha mundial em parceria com a organização foi lembrada em nosso país

A UNICEF Brasil postou em sua conta oficial no Twitter um vídeo de agradecimento ao BTS e aos ARMYs pela colaboração na campanha “Love Myself”.

“Da sua música, até suas mensagens e doações, vocês mostraram o poder da bondade”, pontuou Henrietta H. Fore, Diretora Executiva da UNICEF.

 


Publicado em 07.08.2018
Ídolos do K-pop se tornam exemplos admiráveis ao fazer doações
Estes fatos admiráveis também têm inspirado os fãs de K-pop em causas sociais

Ao contrário do que se pode acreditar, os ídolos do K-pop não estão apenas focados em manter seu visual, ter um guarda roupas invejável ou viver estilos de vida glamourosos. Na verdade, muitos são reconhecidos pelas doações generosas que têm feito à instituições de caridade e causas importantes ao longo de suas carreiras.

A Coreia tem visto tanto os artistas estabelecidos como as novas estrelas doando generosamente.

Estes fatos admiráveis também têm inspirado os fãs de K-pop a doarem em nome de seus ídolos favoritos, em ocasiões especiais como aniversários de um dos integrantes, por exemplo.

Aqui estão alguns dos artistas que vêm ganhando atenção nacional por sua generosidade:

BTS

Logo após o naufrágio do MV Sewol, em 2014, o BTS e seus fãs foram rápidos em prestar auxílio, ao doarem ítens de socorro para as famílias afetadas. Recentemente, o septeto doou 100 milhões de Won (aproximadamente R$ 330.000,00) para o Conselho das Famílias do Desastre de Sewol (Sewol Ferry Disaster Family Council). Foi especulado que cada integrante contribuiu com 10 milhões de won (aproximadamente  R$ 33.000,00) para a empresa, colaborando com 30 milhões de won (aproximadamente R$ 99.000,00), arredondando o valor total.

No final de 2017, o grupo se juntou com a UNICEF para fazer a campanha “Love Myself”, com o objetivo de promover amor global e apoiar a campanha #FimÀViolência, que foca na prevenção da violência infantil mundialmente. Durante os 2 anos após seu lançamento, os integrantes do grupo e sua empresa irão doar 500 milhões de Won (aproximadamente R$ 1.650.000,00), uma percentagem das vendas dos álbuns físicos da série “Love Yourself”, as vendas dos produtos oficiais dedicados à campanha, e as doações da mesa de doações da UNICEF. Até o momento, mais de 600 milhões de Won (aproximadamente R$ 1.980.000,00) já foram doados, graças ao BTS.

Só nesse verão, o BTS já participou do renascimento coreano do desafio do balde de gelo para a ELA (Esclerose lateral amiotrófica) e fez uma doação para a Fundação Seungil Hope, que será utilizada para ajudar a construir o primeiro centro de tratamento da ELA da Coreia.

 

As partes que não se referiam ao BTS foram omitidas. Você pode conferir o post completo em inglês aqui

 

Fonte: Kpop Herald
Trans eng-ptbr; Jojo Viola @ btsbr


Publicado em 11.07.2018
[TWITTER] 10.07.18 – @bts_love_myself
Tweet postado na conta @bts_love_myself

[TRAD] Um novíssimo emoji do Jimin é revelado.
“Eu amo o Mar de Busan”
Uma mensagem especial aos ARMYs chegou!
Para ver a mensagem, visite a página oficial da campanha LOVE MYSELF.
▶goo.gl/Fn1TrC  #BTSLoveMyself

Trans eng-ptbr; Jojo Viola @ btsbr


Publicado em 11.06.2018
[NEWS] Vezes em que o ARMY derreteu os corações de todos
A surpresa para RM no Brasil foi mencionada!

Fandoms são como famílias: grande, barulhentos e só de vez em quando um pouco empolgados demais. Há sempre o tio das piadas ali, a ovelha negra da família acolá (qual família não tem?!), mas no final, como uma enorme família, o fandom sempre se entende. E quando o fandom realiza feitos do bem, o bem se espalha e alegra a todos! E aqui estão duas vezes em que o ARMY atingiu o coração de muitas pessoas através de sua bondade e excelência.

Doações

Como uma maneira de apoiar a incrível campanha do BTS com a UNICEF, Love Myself #ENDviolence, o ARMY conseguiu arrecadar mais de $500,000 dólares em apenas alguns dias!

E fora arrecadações para a campanha, após os integrantes do grupo publicarem o fim da aceitação de presentes por parte dos fãs, muitos têm se juntado e ao invés de presentear os meninos diretamente com roupas, sapatos e acessórios, ARMYs doam para instituições carentes e realizam trabalhos voluntários em nome do septeto!

Demonstração de amor

E claro que um dos mais inesquecíveis momentos que o ARMY proporcionou ao BTS não poderia ficar de fora! Durante a passagem da Wings Tour pelo Brasil em março de 2017, durante a apresentação solo de RM, “Reflection”, onde o líder canta “I wish I could love myself” [Eu gostaria de poder me amar], ARMYs cantaram de volta para o rapper “We Love You!” [Nós te amamos!”. E na apresentação do segundo dia, o líder emocionado fez uma mudança muito importante na letra da música durante a apresentação dizendo, “Yes I do love myself” [Sim, eu me amo].

Fonte: Soompi
Trans eng-ptbr; Bia Rehm @ BTSBR